Rumo ao Barcelona: Al-Sadd, do Qatar, anuncia a saída de Xavi

·1 min de leitura


O Al-Sadd, do Qatar, anunciou na manhã desta sexta-feira que Xavi não é mais técnico do clube. Em comunicado nas redes sociais, a entidade afirma que o Barcelona irá pagar a multa rescisória de cinco milhões de euros (R$ 32 milhões) e o anúncio da chegada do novo comandante na equipe blaugrana pode acontecer nas próximas horas.

- A administração do Al-Sadd acordou a saída do Xavi para o Barcelona após o pagamento da cláusula de rescisão estipulada em contrato. Xavi nos informou há alguns dias sobre o desejo de ir para a Catalunha, por conta do estágio crítico de seu clube, nós entendemos e decidimos não ficar no meio do caminho.

> Veja a tabela da La Liga

Xavi assumiu o comando do Al-Sadd em 2019 e em pouco mais de dois anos à frente da equipe, o catalão conquistou sete títulos como treinador e dominou o futebol local. O time qatari também participou do Mundial de Clubes de 2019, mas terminou a competição apenas na 6ª colocação.

Com a mudança iminente, um dos maiores ídolos blaugranas retorna ao clube culé após mais de seis anos desde que abandonou os gramados para o maior desafio de sua carreira como técnico. O Barcelona, que demitiu o técnico holandês Ronald Koeman há pouco mais de uma semana, vive um momento turbulento no Campeonato Espanhol e na Champions League, além de passar por uma profunda crise econômica.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos