Al Hilal é campeão asiático e vai disputar o Mundial de Clubes

·1 min de leitura
Jogadores do Al Hilal comemoram a conquista da Liga dos Campeões da Ásia (AFP/-)

O saudita Al Hilal venceu o sul-coreano Pohang Steelers por 2 a 0, nesta terça-feira, e conquistou pela quarta vez a Liga dos Campeões da Ásia, garantindo assim vaga no Mundial de Clubes da Fifa.

Os gols da equipe da Arábia Saudita foram marcados pelo lateral Nasser Eissa Al-Dawsari, com apenas 16 segundos de jogo, sendo o mais rápido da história do torneio, e o atacante Moussa Marega (63).

Com este resultado, o time treinado pelo português Leonardo Jardim, ex-técnico do Sporting de Lisboa e do Monaco, vai representar o continente asiático no próximo Mundial de Clubes da Fifa, a ser disputado no início de 2022 nos Emirados Árabes Unidos.

Já estão garantidos nesta edição da competição internacional o inglês Chelsea, o mexicano Monterrey, o egípcio Al Ahly, o neozelandês Auckland City e o Al Jazira, como representante do país anfitrião.

Falta apenas definir o representante da América do Sul, que vai sair da final entre Palmeiras e Flamengo pela Copa Libertadores, no sábado

bur-rbo/fbx/mcd/pm/lca

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos