Além de vaga direta, G-6 vale aumento de milhões em premiação para o Atlético-MG

G-6 dará vaga direta para a Libertadores - Pedro Souza / Atlético


Campeão do Brasileirão e da Copa do Brasil de 2021, a temporada de 2022 do Atlético-MG foi decepcionante. Entretanto, apesar de não conquistar outro grande título, o Galo busca fechar o ano dentro do G-6 do Campeonato Brasileiro, para assim garantir a classificação direta para a Copa Libertadores de 2023 e uma melhor premiação na competição de pontos corridos.

Com a abertura de um G-8 no Brasileirão, os seis primeiros colocados do torneio se classificarão de forma direta para a Libertadores de 2023. Caso ganhe do Botafogo no jogo desta segunda-feira, no Mineirão, o Galo chegará à sexta colocação na tabela, com 55 pontos.

O sexto colocado do Campeonato Brasileiro deverá ganhar cerca de R$ 33,7 milhões. O sétimo lugar ganhará cerca de R$ 31,5 milhões, dois milhões a menos que o sexto. Já o oitavo, deverá desembolsar por volta de R$ 29 milhões, mais de R$ 4,5 milhões a menos que o último integrante do G-6.

Com uma expectativa alta para a atual temporada, mas sem conseguir alcançar nenhum título de expressão, os milhões a mais de uma possível sexta colocação serão importantes para o balanço final de receita do Atlético-MG.