Agora pelo Flamengo, Marinho projeta jogo com o Palmeiras, rival que venceu só uma vez pelo Santos

·1 min de leitura


Em adaptação a sua nova função e buscando seu espaço no time do Flamengo, Marinho reencontra, nesta quarta-feira, um adversário que acostumou-se a enfrentar nas temporadas que atuou pelo Santos: o Palmeiras. Será o primeiro jogo do atacante pelo Rubro-Negro contra o rival paulista, e a oportunidade de melhorar o retrospecto individual. A partida, pela quarta rodada do Brasileirão, será no Maracanã e a promessa é de casa cheia, um trunfo segundo Marinho.

- Mais um clássico (pela frente). Importante saber que vamos enfrentar um grande adversário, mas também que jogaremos em casa, com nosso torcedor, que é nossa força muito grande. Vamos trabalhar na semana para fazer um grande jogo e cada vez mais crescer - afirmou Marinho, antes de completar:

- Ter o 12º jogador como o nosso torcedor é incrível. É incrível ver a torcida do Flamengo, essa conexão entre torcida e jogadores é importante para fazermos um grande jogo, como hoje, também contra o Palmeiras - finalizou o camisa 30.

Entre 2019 e 2021, Marinho defendeu o Santos contra o Palmeiras em sete partidas. No primeiro clássico pelo Peixe, pelo Campeonato Brasileiro de 2019, o atacante marcou um gol e ajudou na vitória por 2 a 0 na Vila. Depois, a sorte não foi a mesma: cinco derrotas e um empate, apesar de dois gols marcados.

Um dos cinco reforços do Flamengo para 2022, fez 12 partidas sob o comando de Paulo Sousa, que vem o utilizando pelo lado esquerdo de ataque - função diferente da qual o atleta fez ao longo da carreira. Dedicando-se para adaptar-se aos pedidos do Mister, o atacante tem um gol e quatro jogos como titular.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos