Agora pelo Flamengo e pressionado, Ceni pode desempatar retrospecto contra o Ceará

Lazlo Dalfovo
·1 minuto de leitura


Os números não estão favoráveis a Rogério Ceni neste início de trajetória pelo Flamengo. O treinador, por exemplo, possui o terceiro pior aproveitamento (48.5%) de um técnico do clube nos últimos dez anos. Porém, quanto a retrospecto pessoal, pode ultrapassar o Ceará em número de vitórias pela primeira vez, caso triunfe com o Rubro-Negro neste domingo, em embate válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã.

Até aqui, como treinador, Ceni já enfrentou o Ceará em 17 ocasiões. Todas sob o comando do arquirrival do Vozão, o Fortaleza. O retrospecto está igualado: seis vitórias para cada lado, além de cinco empates.

Nos dois encontros mais recentes com o Ceará, Ceni viveu as últimas glórias pelo Fortaleza: duas vitórias pela final do Campeonato Cearense de 2020, conquistado pelo Leão do Pici em outubro.

Logo depois do feito, Ceni desembarcou no Fla e, desde então, convive sob pressão e maus resultados. Com duas eliminações na bagagem, o técnico está sufocado na luta pelo título brasileiro, tanto que se reuniu com dirigentes do departamento de futebol após o revés diante do Fluminense, na última quarta, e ouviu cobranças.

A SITUAÇÃO DO FLA NO BRASILEIRÃO

> Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

Com 49 pontos e na quarta colocação, o time de Ceni segue a sete pontos de distância do líder São Paulo, que perdeu para o Red Bull Bragantino nesta quarta e está com 56 pontos. O Atlético-MG, que também tem 49, não atuará neste meio de semana. O Internacional está com 50 e é o atual vice-líder.

O Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h, para enfrentar o Ceará, no Maracanã. A partida é válida pela 29ª rodada do Brasileirão e terá transmissão em Tempo Real do LANCE!.