Agente de Dodô diz que dívida com o jogador trava acerto com o Cruzeiro

Valinor Conteúdo
LANCE!


O Cruzeiro ainda aguarda uma posição do lateral-esquerdo Dodô e do seu staff para seguir as negociações e acertar o retorno do jogador. Todavia, uma dívida da Raposa com o atleta pode ser empecilho e travar o acerto.

Segundo o empresário do lateral, Júnior Pedroso, o Cruzeiro tem uma pendência financeira com Dodô, além do jogador ter outras propostas de equipes brasileiras.

-O Cruzeiro desrespeitou um acordo com o atleta e com a Sampdoria. E clube e jogador notificaram o Cruzeiro para reconhecer o vínculo. O processo está correndo. Imaginamos que nas próximas semanas teremos novidades- disse Pedroso, em entrevista ao Canal do Nicola.

Dodô, que havia deixado o time no início da temporada acionou o clube na Justiça do Trabalho. Ele quer reativar o seu contrato com o time celeste.

O lateral pede em sua ação contra a Raposa que que o clube cumpra um acordo feito ainda na gestão do ex-presidente Wagner Pires de Sá, que prometeu um novo vínculo até dezembro de 2023, tendo pagamentos de R$ 8,8 milhões só em luvas, se Dodô fizesse três partidas ou o Cruzeiro fizesse 15 pontos no Campeonato Brasileiro de 2019.








-A gente precisa resolver esse imbróglio na Justiça. Depois, ou faz um acordo ou vê como o Cruzeiro vai agir, se com boa ou má-fé. Existe uma grande pendência de salários com ele, talvez mais de 50%. Este ano eles não estão reconhecendo.
Como a parcela de 300 mil euros era em janeiro e como eles não reconheceram o vínculo, não quitariam com a Sampdoria por estratégia deles. Os últimos meses de contrato ele não recebia. Existe uma boa-fé muito grande do Dodó e do pai, mas infelizmente do outro lado a gente não enxerga isso- disse Pedroso.

O Cruzeiro tenta um acordo com Dodô fora da Justiça, mas ainda não houve consenso entre as partes.

-Existe uma composição muito grande que o clube precisa fazer com ele. O Dodô tem contrato. Você não vai pegar o contrato dele e reduzir em cinco vezes. Não existe isso- disse o agente.

Após boa temporada no Santos em 2018, Dodô não repetiu as boas atuações e ficou a maior parte do ano no banco de reservas. Foram 28 jogos e um gol marcado com a camisa celeste.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também