Afinal, Abel Ferreira pode repetir no Palmeiras o que Jesus fez com o Flamengo? As realidades são parecidas...

Fabio Utz
·2 minuto de leitura

Um técnico português que chega em meio a uma temporada em um gigante do futebol brasileiro, substituindo um "medalhão" que não vinha dando conta do recado, e consegue mudar o panorama, fazendo o time jogar bem e tirando o máximo de um elenco considerado dos mais qualificados. Uma cena, sim, que se repete.

Pois é... em 2019 Jorge Jesus foi contratado pelo Flamengo para a vaga de Abel Braga, revolucionou a maneira da equipe jogar e fez história, conquistando os títulos da Libertadores e do Campeonato Brasileiro. Agora, Abel Ferreira tem trajetória semelhante no Palmeiras, ele que ocupou o lugar deixado por Vanderlei Luxemburgo e, a princípio, recoloca o clube na briga por grandes títulos. A pergunta a ser respondida, neste momento, é a seguinte: o resultado final será o mesmo?

SEBASTIAO MOREIRA/Getty Images
SEBASTIAO MOREIRA/Getty Images

Essa expectativa, ao menos, é conectada com a realidade. O profissional luso deu jeito em um time que parecia afundar e, agora, tem caminho aberto para levar o Palmeiras, no mínimo, à semifinal da Libertadores (enfrenta o Libertad-PAR nas quartas) e, a partir dali, lutar de igual para igual com equipes do mesmo porte. Na Copa do Brasil, a tendência é de que consiga eliminar o América-MG e ir à decisão, contra Grêmio ou São Paulo - convenhamos, tudo por acontecer. Já no Campeonato Brasileiro o clube recuperou terreno e, com um jogo a menos em relação ao líder Atlético-MG, está apenas cinco pontos atrás.

Convenhamos que fazer o que Jesus fez na temporada anterior é um feito quase que impensável. Mas o Verdão, sim, parece estar no caminho de uma grande conquista - seja ela qual for. O equilíbrio das atuações, o brilho dos jovens e a naturalidade com que a equipe joga demonstram isso. E vamos combinar: depois do estrago provocado por Luxa, estar nesta condição já é um lucro tremendo.

Para mais notícias do Palmeiras, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.