Adversário 'amigo', quebra de tabu, finalista... Conheça os adversários do São Paulo no Grupo E da Libertadores

Gabriel Santos
·2 minuto de leitura


O São Paulo conheceu os adversários na fase de grupos da Taça Libertadores da América. O sorteio colocou o Tricolor no Grupo E, ao lado de Racing (ARG), Sporting Cristal (PER) e Rentistas (URU).

Veja os jogadores do São Paulo que mais participaram de gols em 2021

Com os adversários já definidos, o LANCE! mostra algumas curiosidades das equipes e o seu histórico diante do São Paulo, para você, torcedor, já ir entrando no clima da competição continental.

CONFIRA EM QUAL POSIÇÃO O SÃO PAULO ESTÁ NO PAULISTÃO 2021

Clube 'amigo'
Vamos começar falando sobre o Rentistas, que estava no Pote 4 durante o sorteio e faz sua estreia na história da Libertadores. O clube uruguaio é o caso mais curioso da chave são-paulina. O motivo é que graças a vitória da equipe na semifinal do Campeonato Uruguaio diante do Liverpool, o Tricolor foi cabeça de chave no sorteio da Libertadores.

Portanto, a torcida do São Paulo já guarda um certo 'carinho' pela equipe comandada por Martín Varini, que tem 29 anos e assume o time depois da saída de Alejandro Capuccio.

Ao longo de sua trajetória no futebol, o Rentistas venceu o Apertura (espécie de primeiro turno do Campeonato Uruguaio) em 2020. Além disso, foram quatro títulos da segunda divisão (1971, 1988, 1996 e 2011), um título da terceira divisão (1966) e três da quarta divisão (1949, 1957 e 1963).

Quebra de tabu
O adversário mais complicado da chave do São Paulo é, teoricamente, o Racing (ARG). O clube costuma ser uma pedra no sapato do Tricolor, visto que, o clube do Morumbi não venceu nenhuma vez os argentinos na história. São cinco jogos, com um empate e quatro derrotas.

O Racing costuma também ser forte contra equipes brasileiras. No ano passado, por exemplo, o clube azul e branco eliminou o Flamengo nas oitavas de final da Libertadores em pleno Maracanã, depois da disputa de pênaltis.

Ao longo de sua trajetória no futebol, o Nacional venceu a Libertadores em 1967, quando derrotou o nacional (URU). Além disso, foram 18 títulos do Campeonato Argentino, o último em 2018-2019.

Finalista de Libertadores e recordista no Peru
Para fechar, temos o Sporting Cristal (PER). Ao contrário de muitos clubes peruanos, o estádio da equipe não fica em altitude, o que pode ser um fator positivo para o elenco de Hernán Crespo.

No entanto, a experiência em Libertadores pode ser um fator relevante para o time sul-americano. Os peruanos são o clube do país que mais vezes disputou a competição, com 36 participações. Sua melhor participação foi em 1997, quando foi vice-campeão, perdendo a final para o Cruzeiro.

Em âmbito nacional, o Sporting Cristal é um dos principais clubes do Peru, vencendo o Campeonato Peruano 19 vezes na história. Sua última conquista foi em 2018.