Adidas avisa que não vai pagar São Paulo por causa do Coronavírus

Jorge Nicola
·2 minuto de leitura
Pablo e Tiago Volpi apresentados com modelo da camisa fabricado pela Adidas (Rubens Chiri/São Paulo)
Pablo e Tiago Volpi apresentados com modelo da camisa fabricado pela Adidas (Rubens Chiri/São Paulo)

O Flamengo não será o único clube brasileiro que ficará no prejuízo com a Adidas durante o Coronavírus. O Blog apurou que o São Paulo já foi avisado pela fornecedora de material esportivo sobre o não pagamento nos próximos meses, em razão da crise financeira causada em todo o mundo pelo Coronavírus.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

“Eles querem postergar os pagamentos para o futuro”, explica uma fonte são-paulina, referindo-se à Adidas.

Leia também:

E, ao contrário do Flamengo, que recebe semestralmente, o contrato do São Paulo prevê depósitos mensais. O prejuízo tricolor será de aproximadamente R$ 1 milhão a cada 30 dias - e, neste valor, estão incluídas apenas as perdas com royalties.

“Nunca tivemos qualquer problema de pagamento com a Adidas. Eles sempre pagaram tudo absolutamente em dia. Mas agora querem negociar, como quase todo mundo está fazendo”, acrescenta o dirigente do São Paulo, lamentando a crise financeira que se avizinha.

Vale lembrar que o Tricolor deve ficar a partir de maio sem patrocinador máster, perdendo mais R$ 1,5 milhão por mês - o contrato com o Banco Inter termina em 31 de abril e as conversas pela renovação estão estagnadas.

Pior: de acordo com Elias Albarello, o São Paulo já precisaria de uma venda de atleta para o exterior na metade do ano antes da catástrofe causada pela pandemia. Agora, a necessidade é ainda mais urgente.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.