Acusado de violência doméstica, atacante do Leicester é detido

Contratado pelo Leicester no início da atual temporada, o atacante  Ahmed Musa foi detido na madrugada de quarta acusado de ter agredido sua esposa, Jamile. De acordo com o jornal inglês The Independent, o nigeriano chegou a ser interrogado por duas horas pela polícia, porém acabou sendo liberado sem ser ser acusado formalmente.

Musa não foi nem relacionado para a vitória por 2 a 0 do atual campeão inglês contra o Sunderland, ocorrida na última terça-feira, mesmo dia do aniversário de sua mulher. Conforme explica o jornal, vizinhos do atacante de 24 anos chamaram a polícia após ouvirem barulhos estranhos vindos da casa do jogador. Ao chegar ao local, o jogador já não se encontrava em sua residência.

Quando retornou para casa, por volta da 1 hora, o nigeriano foi levado para ser interrogado, mas acabou negando a agressão e foi liberado. Ainda na quarta, o jogador publicou uma foto em sua rede social para parabenizar o aniversário de sua mulher, a quem ele chama de “minha rainha”.

Ciente da repercussão negativa, o Leicester publicou uma nota defendendo o seu atleta e afirmou que não irá punir o atacante.

“Fomos alertados que Ahmed Musa cooperou com uma investigação policial relativa a distúrbios ocorridos em sua casa na madrugada de quarta. O inquérito foi fechado e nenhuma ação será tomada. Também não vemos necessidade de um processo interno, e Ahmed terá a oportunidade de discutir o assunto com a diretoria de futebol quando o elenco retornar aos treinos”, publicou o clube.