Acabou o caô! Guerrero comemora gol 'suado' e Rodinei agradece Zé Ricardo por chance

A vitória por 3 a 1 sobre a Universidad Católica nesta quarta (04), no Maracanã, foi um grande alívio para o torcedor Rubro-Negro... e também para os jogadores, colocados diante de um difícil adversário na luta pela classificação na Copa Libertadores. O resultado levou os cariocas a 9 pontos e a liderança do Grupo 4, que pode ser mantida com um empate na rodada decisiva contra o San Lorenzo, na Argentina.

O bom resultado desta quinta rodada, porém, começou a ser construido de forma surpreendente, com o lateral Rodinei, que entrou no decorrer da partida no lugar do argentino Mancuello, marcou seu primeiro gol na temporada. A atuação decisiva ele creditou ao técnico Zé Ricardo, que proporcionou a chance.

"Desde o jogo contra o Atlético-PR, o Zé pediu para eu pegar firme nos treinamentos. Que a oportunidade iria aparecer, na linha à frente do Pará", lembrou o jogador em entrevista ao Fox Sports.

"Graças a Deus, hoje, sobrou no meu pé ruim, na esquerda, e eu pude fazer um gol para brindar a Nação com essa festa maravilhosa."

Para bater os chilenos, o Fla precisou chutar incríveis 25 vezes na partida - 14 delas apenas com Paolo Guerrero, que voltou a marcar no Maracanã e recolocou o Rubro-Negro em vantagem após Santiago Silva empatar minutos antes.

Paolo Guerrero Flamengo Universidad Catolica Libertadores 04052017
Paolo Guerrero Flamengo Universidad Catolica Libertadores 04052017
Foto: Buda Mendes/Getty

Ele destacou a importância do resultado para as pretensões do Fla na competição.

"Fico muito feliz em ter vencido esse jogo. A gente sofreu muito, tentamos desde o primeiro tempo e jogamos bem. Apesar das dificuldades, com a sequência de jogos decisivos e o desgaste muito grande, mas graças a Deus, hoje a gente deu tudo", comemorou o camisa 9.

"Ganhamos de uma grande equipe, muito bem organizado e disciplinado. Ficamos felizes com os três pontos, mas agora vamos pensar no jogo de domingo (contra o Fluminense, na decisão do Campeonato Carioca."

"Eu tentei muito no primeiro tempo, mas tinha um goleiro muito ágil do outro lado. Não estava conseguindo, mas aí com aquele chute cruzado, acho que ele não conseguiria pegar."

Com a volta da final do Carioca no final de semana, o Fla ainda terá compromissos de estreia no Campeonato Brasileiro 2017 (Atlético-GO, dia 10, e Atlético-MG, dia 13), antes do confronto decisivo com o San Lorenzo, em Buenos Aires (dia 17, 21h45 de Brasilia).