Abel projeta 2023 do Palmeiras com 'luta' e evita pedir reforços: 'Valorizar os que estão aqui'


O Palmeiras venceu o Botafogo-SP por 1 a 0, nesta quinta-feira, em Ribeirão Preto, mas a atuação ruim voltou a fazer com que a torcida questionasse a falta de reforços para o elenco. Depois de dois anos vencendo com Abel Ferreira, o técnico admitiu a possibilidade de passar 2023 em branco, mas garantiu que o time vai lutar muito durante a temporada, mesmo se não receber as contratações.

> Veja classificação e simulador do Paulistão-2023 clicando aqui

Em entrevista coletiva após o jogo no estádio Santa Cruz, o treinador do Verdão evitou fazer pedidos por reforços com as saídas de Danilo e Gustavo Scarpa, que são as posições que os torcedores mais reclamam para serem repostas. Para Abel, o importante é valorizar os que estão no elenco, já que com eles haverá muita luta e muita competitividade para buscar novas taças.

- Não sei se vamos ganhar, mas temos que lutar, juntamente com esse elenco, com esses jogadores. Antes de valorizar quem não está aqui, eu prefiro valorizar e exigir dos que estão aqui, isso que temos que continuar fazendo, e acreditando que estamos fazendo tudo o que podemos para trazer os jogadores que possam acrescentar qualidade ao elenco. Enquanto isso não acontecer, é com esses jogadores que temos que vamos para a luta, foi com esses que ganhamos. É passado, mas é com esses que vamos continuar a sermos competitivos para lutar para ganhar e competir como fizemos até agora - declarou o comandante alviverde.

> Veja as principais transferências no Mercado da Bola do LANCE!

Abel Ferreira conquistou seis títulos nos dois anos em que está à frente do Palmeiras, o que deixou a torcida mal acostumada com os troféus em abundância. Logo após o segundo jogo da temporada, o português levantou a possibilidade de passar 2023 sem levantar taças. Apesar de ver isso como natural, ele falou com o elenco sobre o resultado ser a conquista do respeito no futebol.

Abel Ferreira e Rony - Botafogo-SP x Palmeiras
Abel Ferreira e Rony - Botafogo-SP x Palmeiras

Abel Ferreira e Rony conversam (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

- É muito difícil no Brasil ganhar de forma consecutiva. Ganhamos no primeiro ano, ganhamos no segundo e neste ano não sei se vamos ganhar, mas vamos lutar e começar tudo de novo para continuar a ganhar e é preciso esse respeito, não adianta dizer que ganhamos, porque isso é passado, começamos todos do zero, começamos de novo. Então para mim, para o clube, para os meus jogadores, se queremos outra vez o respeito e admiração dos nossos jogadores, no futebol tem que ser por meio dor resultado. Na vida particular é por meio das nossas atitudes, no futebol somente há uma forma de conquistar o respeito dos outros, e é com os resultados.

> ATUAÇÕES: golaço de Raphael Veiga rende a melhor nota do jogo do Palmeiras

O Verdão volta a treinar nesta sexta-feira pela manhã, na Academia de Futebol, já de olho no clássico contra o São Paulo, que acontece no próximo domingo, às 16h, no Allianz Parque. Com a vitória, o Alviverde chegou a quatro pontos e subiu para a segunda posição no Grupo D do Paulistão.