Abel Ferreira: 'Tivemos dois adversários, o Vasco e o gramado'

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·2 minuto de leitura


O técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, fez duras críticas ao gramado de São Januário após a vitória do Verdão por 1 a 0 sobre o Vasco neste domingo (8). Em entrevista concedida logo após a partida, o treinador português afirmou que sua equipe teve dois adversários: o clube carioca e o gramado.

- Tivemos dois adversários: primeiro o Vasco, pela sua competência, e o segundo foi o gramado. O gramado estava em péssimas condições: para dominar a bola era preciso muitos toques e não conseguíamos dar velocidade ao jogo para encontrar os espaços - disse Abel.

A dificuldade foi ainda maior pela forma como o Vasco se postou em campo, segundo o treinador palmeirense. O time de Ricardo Sá Pinto tinha cinco jogadores na primeira linha defensiva e quatro no meio campo. Segundo Abel, esse tipo de formação exigia do Palmeiras uma circulação rápida da bola para conseguir encontrar os espaços na zaga vascaína.

Entretanto, o gramado impedia que a equipe palestrina conseguisse dominar a bola e acionar os jogadores com rapidez pela lateral.

Durante a entrevista, Abel também destacou que o seu trabalho está no início e os jogadores ainda estão assimilando suas ideias e que, até conseguirem realizar em campo com a velocidade desejada, precisarão de tempo.

- O futebol é como na escola, quando queremos implementar uma ideia de jogo, é como aprender a ler. Ninguém nasceu a ler. Ninguém nasceu a correr. É preciso saber primeiro o abecedário, depois juntar as letras, depois ler frases. E um processo de jogo requer também esse tempo - afirmou.

Apesar disso, o treinador palmeirense destacou o empenho dos seus jogadores, que tentaram jogar com a bola no chão em alguns momentos do jogo apesar do gramado.

- Quero realçar isso: os jogadores estão com muita vontade de ajudar o treinador, com a mente aberta e principalmente com uma grande alma. Em momentos do jogo em que tentaram jogar bem em um campo super difícil. Desculpa dizer isso, mas há muito tempo que não jogava num campo assim. E contra uma equipe muito bem organizada - finalizou.