Abel Ferreira se irrita com desmerecimento de adversários do Palmeiras: ‘Têm qualidade’

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·1 minuto de leitura


Logo depois de conduzir o Palmeiras às semifinais da Copa Libertadores após bater o Libertad por 3 a 0 na noite desta terça-feira (15), o treinador Abel Ferreira concedeu entrevista coletiva. A vantagem elástica do Verdão foi motivo de questionamentos quanto à fragilidade do rival, fato prontamente rebatido por Abel.

– Não concordo em passar a imagem que os adversário são mais acessíveis (fáceis). Detesto quando se desrespeita um adversário. Se chegaram aqui, têm qualidade. Tem que respeitar 100%. Não temer nenhum, mas respeitar. Não vou entrar nessa onda. São todos difíceis.

Abel Ferreira Palmeiras coletiva
Abel Ferreira Palmeiras coletiva

Abel Ferreira durante entrevista coletiva (Foto: Reprodução)


O comandante português também elogiou muito seus jogadores, mas preferiu falar em cautela e distância de conquistas, visto que ainda há etapas importantes a serem superadas nas competições restantes.

– Quero dar os parabéns para a minha equipe pela forma sólida, competente, unida e pela qualidade como jogou. Foi mais um passo. Ainda não ganhamos nada. Estamos muito focados naquilo que queremos e sabemos o que temos que fazer.

>> CONFIRA O CHAVEAMENTO DA LIBERTADORES E FAÇA SUA SIMULAÇÃO
>> CONFIRA AS NOTAS INDIVIDUAIS DOS JOGADORES DO VERDÃO CONTRA O LIBERTAD

Satisfeito com a atuação intensa e bastante segura do time, Abel ainda salientou que os jogadores foram capazes de executarem o plano de jogo e conduzirem a classificação.

– Não sou eu que chuto, que passo, que faço gols. Quando cheguei, disse para os jogadores que precisaria mais deles do que eles de mim. Quando você tem jogadores de mente aberta e coração quente, é tudo mais fácil. Mas ainda não ganhamos nada – apontou.

Abel e o Palmeiras retomam os treinos na manhã desta quarta-feira (16), visando o duelo contra o Internacional, no Beira Rio, pelo Brasileirão. A partida está marcada para as 21h do próximo sábado (19).