Abel Ferreira lamenta desfalques por convocações: ‘Pra ganhar, equipe tem que estar nivelada’

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·2 minuto de leitura


Em coletiva de imprensa concedida após a vitória por 1 a 0 do Palmeiras sobre o Vasco neste domingo (8), Abel Ferreira comentou sobre os muitos desfalques do Verdão para os próximos jogos. Convocações para as seleções nacionais e lesões encurtam cada vez mais o elenco alviverde, enquanto se aproximam as fases decisivas de competições eliminatórias como a Copa do Brasil e a Libertadores:

– Eu não sou treinador de chorar. Vou olhar pra dentro, ver as soluções que temos, há jogadores que querem uma oportunidade e ela está aí. É verdade que estamos trabalhando contra o tempo, mas acredito muito nos jogadores que temos, agora é neles em quem temos que acreditar. Há os que vão pras seleções, o próprio Tite falou “como é que é possível que os clubes paguem tanto e tenham que ficar sem os jogadores?” eu não sei como isso funciona, vou ter que me inteirar sobre isso – disse o português, cutucando o técnico da Seleção Brasileira.

Por fim, o treinador alviverde complementou sua fala afirmando que considera ‘injusto’ perder jogadores por convocações em um momento decisivo da temporada:

– É duro porque temos ambições, lutamos por títulos, e ficar sem nossos melhores jogadores não é justo. A cobrança é grande, todos querem ganhar e, pra ganhar, temos que ter uma equipe nivelada, competitiva. Mas vamos olhar pra dentro, dar oportunidade a quem mostrar que quer jogar e, seguramente, vamos ter uma equipe competitiva – finalizou Ferreira.

Após a vitória contra o Vasco, o Palmeiras volta a campo na quarta-feira (11), no Allianz Parque, diante do Ceará pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Weverton, Menino, Gómez e Viña, convocados, são desfalques certos. Felipe Melo e Wesley ficarão fora por lesão. Por fim, Luiz Adriano, que foi substituído hoje com dores musculares, também preocupa.