Abel Ferreira estreia pelo Palmeiras em meio a calendário pesado

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·2 minuto de leitura


Abel Ferreira estreia como treinador do Palmeiras nesta quinta-feira (05), às 19h, no Allianz Parque, em duelo contra o Red Bull Bragantino pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Ainda com Andrey Lopes, o Verdão venceu o confronto de ida por 3 a 1 em Bragança Paulista e entra em campo com a vantagem.

Chama a atenção o fato de Abel fazer seu primeiro jogo já em um duelo eliminatório e decisivo para a temporada do Palmeiras. O treinador português comentou sobre o calendário do futebol brasileiro em entrevista durante sua apresentação oficial no clube:

- Todas as competições são importantes, o Palmeiras compete em todas para ganhar. Mas vai ter que ter comunicação com o núcleo de saúde e performance. É loucura ter 18 jogos em dois meses, mas vamos encarar com seriedade, disciplina, comunicação. Vamos ver com a logística como recuperar e as exigências também. Viña tem 17 jogos seguidos e vai para seleção, como Gómez e Weverton - analisou o treinador.

Perguntado sobre mudanças e adaptações ao modelo de jogo do Palmeiras, Abel voltou a bater na tecla do calendário que não permite tempo de treinamento aos clubes:

- Não há como mudar, não tem tempo. Vamos ver a confiança dos jogadores, a forma como vamos jogar, mas o que está bem é para continuar. Gosto que meus times joguem com a bola, mas não é só isso. Temos que recuperar a nossa identidade. O Palmeiras é conhecido pela Academia, por uma forma e estilo de jogar, não pelo número de títulos que ganhou naquela época, mas pela identidade criada. Mas não me peçam que, sem treinar, a equipe jogue como as minhas equipes anteriores jogavam. Não me peçam isso, pois não há tempo.

Diante das declarações, a expectativa é que o treinador português dê continuidade ao trabalho de Andrey Lopes, que vinha conseguindo bons resultados, ao menos nos primeiros jogos. Há de ressaltar que o auxiliar seguirá no clube e participará das decisões da comissão técnica.

Abel Ferreira deve escalar o mesmo Palmeiras que derrotou o Atlético-MG por 3 a 0 na última segunda-feira: Weverton; Gabriel Menino, Luan, Gustavo Gómez e Viña; Felipe Melo, Zé Rafael e Raphael Veiga; Rony, Wesley e Luiz Adriano.