Abel elogia atuação e número de finalizações do Flu: 'Fiquei contente'

Técnico do Fluminense ficou satisfeito com o volume de jogo apresentado diante do Madureira, nesta quarta-feira, no Estádio Moça Bonita

A vitória não veio, mas Abel Braga ficou satisfeito com a apresentação do Fluminense no empate, em 2 a 2 no Estádio Moça Bonita, com o Madureira. O técnico tricolor destacou alguns números da sua equipe no jogo, como posse de bola e quantidade de finalizações, mas lamentou o momento do segundo gol do rival Júlio César. Na visão de Abel, o Tricolor estava melhor no confronto.

- Tivemos 70% de posse de bola, recuperamos mais bola e 25 finalizações. No primeiro tempo foram 12, o que mostra um equilíbrio. Finalizar 25 vezes num jogo é surreal. Não tem como ficar chateado com os jogadores - afirmou o comandante após a partida, antes de complementar:

- Foi uma pena o segundo gol deles. Estávamos melhores, mais perto de fazer o terceiro. Foi uma jogada de ataque que tínhamos que segurar e tomamos o segundo gol. Mas não tem como ficar chateado com os caras, fiquei contente.

Classificado para a semifinal da Taça Rio e com a vantagem do empate assegurada na semifinal do Campeonato Carioca, o Fluminense volta ao trabalho nesta sexta-feira, às 15h30, no CT Pedro Antonio. No domingo, o clássico contra o Flamengo será em Cariacica, no Espírito Santo.

ATUAÇÃO DE JÚLIO CÉSAR

Botei o Júlio, que foi muito bem, porque o Cavalieri jogou três jogos seguidos. Vou pensar se uso ele (Júlio César) no domingo ou não. Na quarta, com certeza, é o Diego Cavalieri. Se estamos revezando na linha, porque não no gol? Ainda mais com o início de ano que teve o Júlio César.

CHANCES PERDIDAS CONTRA O MADUREIRA

Não é falta de competência. Quando não tem competência, não criamos nada. Em nenhum jogo do ano nós erramos tanto o gol. Nós vínhamos sendo eficientes, colocando uma para dentro a cada chance. O goleiro deles foi muito bem. Estou contente, criar o que criamos hoje foi sensacional.













E MAIS: