Abel Braga muda estilo do Fluminense em menos de três meses

Identificação com o Fluminense desde o tempo de jogador, conhece o clube, estilo boleiro e experiente. Abel Braga retornou às Laranjeiras no início do ano sob um certo olhar de desconfiança daqueles que o apontavam como um "treinador fora do padrão". Mas ele deu a sua resposta em menos de três meses.

Quando Abel foi apresentado em dezembro de 2016, ele definiu o time como "sem alma" e avisou: "Vai ter que ter noção do escudo que carrega do peito".

Fluminense x Flamengo Carioca 05 03 17

E o recado foi atendido. Em três meses, após uma reformulação no elenco, a equipe mudou de postura e está bem longe de ser aquela que foi vista no último ano. A principal característica do jogo é a velocidade com o futebol ofensivo. E isso ficou claro no último domingo (5) contra o Flamengo, quando a equipe apresentou um ritmo forte após uma verdadeira maratona no meio da semana ao viajar para o Mato Grosso por conta da Copa do Brasil. 

Fluminense 05032017

Abel consegue mostrar que acumulou conhecimento no decorrer dos anos e se descola dos outros técnicos experientes que pararam no tempo. Estudioso, tem como vantagem saber lidar com o grupo de atletas. 

Além disso, ele é um escudo para o Fluminense porque tem história. Com o decorrer do trabalho, ele ganha ainda mais confiança e maturidade.

Sem dúvida, Abel é um exemplo de veterano de outra geração. Ele venceu muito, mas segue fazendo bons trabalhos, sem parar no tempo e sem mudança de comportamento, o que mudou foi o conceito de jogo e treinamento. De resto, é o mesmo.