8 jogadores que estão fora de combate há longo período por motivo de lesão

Antonio Mota
·4 minuto de leitura

Em meio à sérias lesões no joelho e duas cirurgias, além de medos e incertezas, o zagueiro Léo Santos alcançou, no último sábado (27), uma marca nada positiva: dois anos sem entrar em campo – desde o dia 27 de março de 2019 – por conta de questões físicas. Hoje, já recuperado, o defensor do Corinthians busca um melhor condicionamento físico e ritmo de jogo para poder voltar aos gramados, mas o processo de recuperação foi muito longo e doloroso.

“Foi um processo muito duro, foram duas lesões graves que me abalaram muito no começo, mas que por mais pesada que tenha sido toda a minha situação, eu sou grato a Deus por tudo. [...] Mudanças de hábitos como a alimentação, treinamento mais intenso, qualidade de sono, abrir mão de coisas que antes das lesões eu não dava muita importância, e que hoje, tenho como objetivo na minha cabeça, voltar a jogar em alto nível e alcançar as metas que almejo como profissional”, declarou o zagueiro ao ge.

Ficar longe dos gramados por muito tempo por conta de um problema físico, porém, não é uma exclusividade de Léo Santos. A seguir, veja 8 jogadores que estão fora de combate há longo período por motivo de lesão.

1. Léo Santos (Corinthians)

Léo Santos completou dois anos sem pisar em campo no último sábado. | NELSON ALMEIDA/Getty Images
Léo Santos completou dois anos sem pisar em campo no último sábado. | NELSON ALMEIDA/Getty Images

Fora de combate desde o primeiro trimestre de 2019, Léo Santos não entra em campo há mais de dois anos. Neste período, o defensor do Corinthians passou por duas cirurgias no joelho, além de muita fisioterapia. Hoje, recuperado, ele treina em busca de uma oportunidade.

2. Raniel (Santos)

Raniel não entra em campo desde outubro do ano passado. | Miguel Schincariol/Getty Images
Raniel não entra em campo desde outubro do ano passado. | Miguel Schincariol/Getty Images

Atacante do Santos, Raniel não atua desde o dia 1º de outubro do ano passado, quando atuou 10 minutos contra o Olímpia, no Paraguai, pela Conmebol Libertadores. Já no retorno ao Brasil, o atleta apresentou uma trombose venosa profunda na perna direita e precisou ser operado. Ontem (27), ele passou por uma nova cirurgia.

3. Gatito Fernández (Botafogo)

Gatito não defende o Botafogo e a Seleção Paraguaia há muito tempo. | Buda Mendes/Getty Images
Gatito não defende o Botafogo e a Seleção Paraguaia há muito tempo. | Buda Mendes/Getty Images

Com problema no joelho direito, Gatito Fernández não atua pelo Botafogo desde setembro de 2020 – e pela Seleção Paraguaia desde o dia 8 de outubro. O goleiro vem se recuperando bem, mas não há uma data prevista para o seu retorno.

4. Philippe Coutinho (Barcelona)

Coutinho se lesionou no final do ano passado e recentemente precisou passar por mais uma cirurgia. | Alex Caparros/Getty Images
Coutinho se lesionou no final do ano passado e recentemente precisou passar por mais uma cirurgia. | Alex Caparros/Getty Images

Coutinho se lesionou no final do ano passado e esperava voltar aos gramados em três meses, mas precisou passar por uma nova cirurgia e assim não tem uma data estipulada para retornar aos trabalhos. O meia pode, inclusive, perder a Copa América com a Seleção Brasileira e o restante da temporada do Barcelona.

5. Carlos Sánchez (Santos)

Carlos Sánchez é outro atleta que não atua pelo Santos há muito tempo. | Miguel Schincariol/Getty Images
Carlos Sánchez é outro atleta que não atua pelo Santos há muito tempo. | Miguel Schincariol/Getty Images

Peça-chave do Santos nas últimas temporadas, Sánchez se lesionou em outubro do ano passado. De lá para cá, o meio-campista perdeu várias partidas do Peixe, inclusive a finalíssima da Conmebol Libertadores de 2020. A princípio, o uruguaio deve retornar aos trabalhos no próximo mês de maio.

6. Danilo Avelar (Corinthians)

Danilo Avelar não atua há cerca de quatro meses. | Alexandre Schneider/Getty Images
Danilo Avelar não atua há cerca de quatro meses. | Alexandre Schneider/Getty Images

Danilo Avelar não entra em campo pelo Corinthians há mais de cinco meses – desde a primeira semana de outubro de 2020. O zagueiro-lateral rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito.

7. Thiago Maia (Flamengo)

Thiago Maia se machucou em novembro de 2020 e desde então não atua pelo Flamengo. | Bruna Prado/Getty Images
Thiago Maia se machucou em novembro de 2020 e desde então não atua pelo Flamengo. | Bruna Prado/Getty Images

Destaque do Flamengo em 2020, Thiago Maia sofreu uma grave lesão ligamentar no joelho esquerdo em novembro do ano passado e desde então segue acompanhando o Rubro-Negro de longe. O meio-campista trabalha para voltar o quanto antes, mas ainda não há uma data marcada.

8. Gabriel Boschilia (Internacional)

Boschilia se lesionou em outubro do ano passado. | Pool/Getty Images
Boschilia se lesionou em outubro do ano passado. | Pool/Getty Images

Outro atleta que não atua desde o final de outubro do ano passado: Gabriel Boschilia, do Internacional. O meia rompeu o ligamento do joelho direito em treinamento no CT do Colorado. Recentemente, ele voltou aos exercícios em campo, o que é um bom sinal.