7 jogadores que 'renasceram' com a mudança de esquema de Mancini no Corinthians

·2 minuto de leitura

Depois de um início de temporada conturbado, Mancini parece ter finalmente encontrado seu estilo no Corinthians. Até chegar nesse momento, no entanto, foram muitas inovações desconexas e derrotas acachapantes, incluindo o revés diante do Peñarol, que pode ter custado a classificação para próxima fase da Copa Sul-Americana 2021. Contudo, se o ditado popular realmente vale de algo, a Fiel pode entoar: 'antes tarde do que nunca'.

Classificado à semifinal do Campeonato Paulista, alguns jogadores tiveram atuação destacada e praticamente renasceram na Neo Química Arena. Confira.

4. João Victor e Raul Gustavo

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Os jovens zagueiros aparecem entre as opções principais do treinador e até agora responderam bem dentro das quatro linhas. Aliás, João Victor tem aproveitado da sua experiência enquanto lateral-direito no Atlético-GO para apoiar Fagner nessa faixa do campo.

Raul Gustavo, por sua vez, também sai jogando com bastante facilidade e já marcou duas vezes neste início de temporada. A polivalência de ambos tem dado tom ao bom desempenho do Timão - fator que pode ser explicado justamente pela combinação de estilos permitida pelo sistema que comporta três defensores.

3. Fagner e Lucas Piton

Lucas Piton assumiu titularidade da lateral-esquerda. | NELSON ALMEIDA/Getty Images
Lucas Piton assumiu titularidade da lateral-esquerda. | NELSON ALMEIDA/Getty Images

Mais despreocupados com as costas e sem a necessidade de recompor na defesa, Fagner e Lucas Piton se transformaram em alas no Corinthians. Agora, os laterais aparecem próximos aos metros finais do campo e criam com facilidade, sobretudo pela eficiências de ambos nos cruzamentos. O novo arranjo transformou o sistema ofensivo do Alvinegro, que agora não joga em função de um centroavante.

2. Gabriel e Ramiro

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

A liberdade do esquema 3-5-2 reflete diretamente no posicionamento e marcação do Timão. Gabriel e Ramiro, meio-campistas responsáveis pelas funções, potencializam linhas altas e também ficam mais soltos para criar, principalmente pelo fato de serem apoiados por zagueiros altamente ofensivos. A confiança, claro, responde ao entrosamento: o número de passes errados e desarmes já não aparece com tanta frequência.

1. Luan

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Não há outro jogador que poderia ocupar o topo desta lista: Luan é o grande beneficiado do novo sistema de Mancini. Dono de um controle de bola diferenciado e visão de jogo ímpar no clube do Parque São Jorge, o camisa 7 caminha para se tornar indispensável no Corinthians.