7 jogadores que fizeram seus antigos clubes se arrependerem de tê-los negociado

·3 minuto de leitura

Imagine negociar um jogador que não faz muita falta no plantel só para vê-lo se tornar indispensável em outra equipe... acontece bastante. Muitos atletas acabam não sendo bem trabalhados pelos seus clubes, mas "arrebentam" nas temporadas seguintes defendendo as cores de outros times. Relembramos sete vezes em que isso aconteceu no futebol.

1. Artur

Atacante ainda poderia fazer muita diferença no Palmeiras | Miguel Schincariol/Getty Images
Atacante ainda poderia fazer muita diferença no Palmeiras | Miguel Schincariol/Getty Images

Bicampeão brasileiro pelo Palmeiras, Artur estava perto de retornar ao Alviverde depois de um período de empréstimo ao Bahia, mas a proposta de 6 milhões de euros do RB Bragantino falou mais alto. Apesar do Verdão não ter muitos problemas no sistema ofensivo, é inegável que o atacante poderia ser muito bem aproveitado por Abel Ferreira. Defendendo as cores do Massa Bruta, ele teve sete participações em gols neste Brasileirão (três gols + quatro assistências em 11 jogos).

2. Claudinho

Timão deve se arrepender dessas tratativas | Srdjan Stevanovic/Getty Images
Timão deve se arrepender dessas tratativas | Srdjan Stevanovic/Getty Images

Não deve ser fácil para o Corinthians ver seu sistema ofensivo carente de um bom meia-atacante e pensar que Claudinho poderia estar no plantel. Atualmente no RB Bragantino, o jogador venceu o Campeonato Brasileiro de 2015 com o Alvinegro do Parque São Jorge. As negociações entre as duas instituições envolveram cerca de R$ 1,5 milhões.

3. Natan

Promissor zagueiro ainda pertence ao Flamengo | Miguel Schincariol/Getty Images
Promissor zagueiro ainda pertence ao Flamengo | Miguel Schincariol/Getty Images

Altamente promissor, o Flamengo até emprestou Natan ao Massa Bruta, mas tratou de deixar tudo nos conformes para um possível retorno. Os novos documentos envolveram renovação contratual até 2024 e multa rescisória de 70 milhões de euros (cerca de R$ 463 milhões). O zagueiro segue indispensável na equipe de Bragança Paulista e não há dúvida que Renato Gaúcho poderia utilizá-lo na Gávea.

4. Luciano

Atacante está se recuperando de uma lesão | Alexandre Schneider/Getty Images
Atacante está se recuperando de uma lesão | Alexandre Schneider/Getty Images

Mais um dos negócios "furados" do Corinthians! Ainda nos idos de 2016, o Timão negociou Luciano com o Leganés, da Espanha, e nunca mais conseguiu viabilizar o retorno do atacante - e olha que não foi por falta de tentativa, sobretudo em seu período no Fluminense. Atualmente no São Paulo, o jogador pode até não ser unanimidade na Fiel, mas faria muita diferença no Alvinegro.

5. Willian Bigode

Bigode era uma dos "xodós" da torcida do Cruzeiro | Miguel Schincariol/Getty Images
Bigode era uma dos "xodós" da torcida do Cruzeiro | Miguel Schincariol/Getty Images

Sofrendo na Série B do Brasileirão, o Cruzeiro deve se arrepender de muitas decisões econômicas nos últimos anos. Negociar Willian Bigode com o Palmeiras deve estar muito próximo do topo desta lista. Apesar dos altos e baixos do atacante na Raposa, ele nunca deixou de ser um dos "queridinhos" da torcida. Hoje, segue "arrebentando" no Alviverde e é um dos destaques do plantel de Abel Ferreira.

6. Rony

Rony foi negociado pelo Athletico-PR | Miguel Schincariol/Getty Images
Rony foi negociado pelo Athletico-PR | Miguel Schincariol/Getty Images

Rony Rústico foi apenas um dos mais de 10 atletas negociados pelo Athletico-PR em 2020. O atacante aparece entre os jogadores mais valiosos do Brasileirão e coleciona boas atuações no Palmeiras, sobretudo na Copa Libertadores. Sem sombra de dúvidas, poderia fazer muita diferença no atual elenco do Furacão, que segue brigando pelas primeiras posições da tabela.

7. Emiliano Rigoni

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Imagine a frustração dos torcedores ao verem Rigoni arrebentar no São Paulo depois de uma passagem apagada no Elche! Em LaLiga, o atacante argentino disputou somente 25 jogos e não conseguiu nem chegar perto do protagonismo que está tendo no Tricolor Paulista. Será que os espanhóis ficaram com saudades?

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos