7 jogadores que defenderam Galo e Boca Juniors, mas que talvez você não lembre

·3 minuto de leitura

Um dos principais confrontos das oitavas de final da Libertadores certamente será entre Atlético-MG e Boca Juniors. As duas equipes se enfrentam nesta terça-feira (13), às 19h15 de Brasília na Bombonera, em Buenos Aires.

A expectativa para este duelo é muito alta, já que se trata de um confronto entre duas equipes com grandes elencos e com história na competição. Para entrar no clima desse jogão, que tal conferir 7 jogadores que defenderam Galo e Boca que talvez você não se lembre?

1. Lucas Pratto

Atacante defendeu o Galo entre 2015 e 2017 | Atletico MG v Internacional - Copa do Brasil Semi-Finals 2016 | Pedro Vilela/Getty Images
Atacante defendeu o Galo entre 2015 e 2017 | Atletico MG v Internacional - Copa do Brasil Semi-Finals 2016 | Pedro Vilela/Getty Images

Muitos torcedores devem lembrar da passagem do atacante argentino Lucas Pratto pelo Galo, entre 2015 e 2017. O que poucos devem lembrar é que Pratto também já jogou no Boca Juniors, mesmo sendo conhecido por ter atuado com a camisa do maior rival, o River Plate. Pratto foi, na verdade, revelado pelo Boca. Ele se destacou bastante nas categorias de base, mas não teve muitas oportunidades na equipe principal.

2. Júnior Alonso

Alonso defendia o Boca antes de acertar com o Galo | Colon v Boca Juniors - Superliga 2019/20 | Marcelo Endelli/Getty Images
Alonso defendia o Boca antes de acertar com o Galo | Colon v Boca Juniors - Superliga 2019/20 | Marcelo Endelli/Getty Images

O zagueiro paraguaio Júnior Alonso é o exemplo mais próximo de jogador que defendeu Galo e Boca. O defensor atua no Atlético-MG desde 2020 e chegou ao futebol brasileiro vindo justamente do Boca Juniors. Pela equipe argentina ele somou 33 partidas. Será que vem "Lei do Ex" na Liberta?

3. Jesús Dátolo

Jogador brilhou no Galo | Atletico MG v Flamengo - Brasileirao Series A 2014 | Pedro Vilela/Getty Images
Jogador brilhou no Galo | Atletico MG v Flamengo - Brasileirao Series A 2014 | Pedro Vilela/Getty Images

O meia-atacante argentino Jesús Dátolo tem hoje 37 anos. Entre as temporadas 2006/07 e 2008/09 ele vestiu a camisa do Boca Juniors. Em 2013, ele acertou com o Atlético-MG e defendeu a equipe mineira por quatro temporadas. Atualmente veste a camisa do Banfield, da Argentina.

4. Paulinho Valentim

Jogador foi ídolo do Boca Juniors | Foto: El Gráfico
Jogador foi ídolo do Boca Juniors | Foto: El Gráfico

Paulinho Valentim foi um jogador brasileiro que vestiu as camisas de Atlético-MG e Boca Juniors. Ele atuava como centroavante e é ídolo do Boca Juniors, onde atuou em 198 partidas e marcou 128 gols, entre os anos de 1960 e 1965. Antes disso, em 1954, ele foi contratado pelo Galo, tendo sido campeão mineiro com a equipe em 1954 e 1955.

5. Jonathan Fabbro

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O meio-campista paraguaio tem hoje 39 anos e já está aposentado. Ainda no início de sua carreira ele teve uma passagem pelo Boca Juniors, acertando com a equipe na temporada 2002/03. Alguns anos depois, em 2006, ele foi contratado pelo Atlético-MG, mas permaneceu na equipe por pouco tempo.

6. Júlio Cáceres

Jogador teve duas passagens pelo Galo | Paraguayan defender Julio Cesar Caceres | JUAN MABROMATA/Getty Images
Jogador teve duas passagens pelo Galo | Paraguayan defender Julio Cesar Caceres | JUAN MABROMATA/Getty Images

Atualmente com 41 anos, Júlio Cáceres teve duas passagens pelo Galo. A primeira delas foi em 2005, tendo atuado em 20 partidas. Posteriormente, entre as temporadas 2007/08 e 2009/10, o defensor vestiu a camisa do Boca Juniors. Após deixar a equipe argentina ele acertou novamente com o Atlético-MG, em 2010, mas ficou apenas uma temporada na equipe.

7. Damián Escudero

Jogador atuou no Galo em 2012 | Atletico MG v Botafogo - Brazilian Serie A | LatinContent/Getty Images
Jogador atuou no Galo em 2012 | Atletico MG v Botafogo - Brazilian Serie A | LatinContent/Getty Images

Por fim, o meio-campista argentino Damián Escudero. Na temporada 2010/11, Escudero defendeu o Boca Juniors, somando apenas 13 partidas com a camisa da equipe argentina. Pouco tempo depois, em 2012, ele foi emprestado pelo Boca ao Atlético-MG. No Galo, atuou em 40 partidas e marcou quatro gols.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos