7 jogadoras que poderão surpreender nos Jogos Olímpicos de Tóquio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A próxima quarta-feira, 21, vai ser de muito futebol feminino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Isto porque Grã-Bretanha, Chile, China, Brasil, Suécia, Estados Unidos, Japão, Canadá, Zâmbia, Holanda, Austrália e Nova Zelândia entrarão em campo e iniciarão os confrontos pela medalha de ouro no maior espetáculo esportivo do mundo.

E, claro, várias estrelas vão estar em campo e você não pode deixar de acompanhar. A seguir, veja 7 jogadoras que poderão surpreender nas Olimpíadas.

7. Carli Lloyd (Estados Unidos)

Carli Lloyd é referência nos Estados Unidos. | Elsa/Getty Images
Carli Lloyd é referência nos Estados Unidos. | Elsa/Getty Images

Carli Lloyd é uma lenda nos Estados Unidos. Caminhando para sua quarta participação nos Jogos Olímpicos, a atacante de 39 anos continua motivada e buscando a terceira medalha de ouro – a qual, caso consiga, vai se juntar a de Pequim (2008) e Londres (2012). Um nome para se ficar de olho.

6. Rose Lavelle (Estados Unidos)

Rose Lavelle vai estrear nos Jogos Olímpicos. | Brad Smith/ISI Photos/Getty Images
Rose Lavelle vai estrear nos Jogos Olímpicos. | Brad Smith/ISI Photos/Getty Images

Após conquistar a Copa do Mundo da França (2019), Rose Lavelle vai estrear nas Olimpíadas e novamente quer se destacar com a camisa dos Estados Unidos. Ao lado de Megan Rapinoe e Alex Morgan, a meio-campista certamente vai ter um papel importante na seleção norte-americana.

5. Lieke Martens (Holanda)

Lieke Martens é peça importante na Holanda. | BSR Agency/Getty Images
Lieke Martens é peça importante na Holanda. | BSR Agency/Getty Images

Uma das melhores equipes de futebol feminino da atualidade, a Holanda foi vice-campeã no último Mundial (2019) e fez um excelente ciclo olímpico. Entre várias peças importantes, Lieke Martens chama atenção. A meia-atacante é um dos destaques do seu país e tem tudo para ir bem nas Olimpíadas.

4. Marta (Brasil)

Marta é a melhor jogadora da história do futebol. | Martin Rose/Getty Images
Marta é a melhor jogadora da história do futebol. | Martin Rose/Getty Images

Embora tenha 35 anos de idade e caminhe para os últimos anos de sua carreira, Marta é a melhor jogadora da história do futebol feminino e merece uma atenção especial. A craque chega com tudo aos Jogos Olímpicos e vai fazer de tudo para conquistar o inédito ouro para o Brasil.

3. Wang Shuang (China)

Wang Shuang é um dos destaques China. | Zhizhao Wu/Getty Images
Wang Shuang é um dos destaques China. | Zhizhao Wu/Getty Images

Wang Shuang carregou a seleção chinesa até as Olimpíadas e não quer parar por aqui. Grande nome de seu país, a meio-campista pode surpreender em Tóquio. Outro nome para se ter no radar.

2. Caroline Seger (Suécia)

Caroline Seger é uma lenda Suécia. | Visionhaus/Getty Images
Caroline Seger é uma lenda Suécia. | Visionhaus/Getty Images

Caroline Seger escreve o seu nome na história do futebol da Suécia toda vez que entra em campo. Após se tornar a jogadora com mais partidas pelo seu país, a meio-campista quer continuar quebrando marcas nas Olimpíadas. É um nome de destaque da modalidade.

1. Caroline Weir (Grã-Bretanha)

Caroline Weir e os olhos na Grã-Bretanha. | Harriet Lander/Getty Images
Caroline Weir e os olhos na Grã-Bretanha. | Harriet Lander/Getty Images

Caroline Weir é uma das escocesas da Seleção da Grã-Bretanha nas Olimpíadas. Voando no Manchester City, a meia-atacante tem um currículo vencedor e vai correr para fazer história pelo seu país. Ela tem tudo para fazer sucesso ao lado de Lucy Bronze.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos