7 goleiros brasileiros que atuaram na Europa e você não lembrava

·3 minuto de leitura

Embora seja conhecido pelo seu futebol inventivo e cheio de magia, o Brasil também revela ótimos defensores, incluindo goleiros. Ao longo da história, o “País do Futebol” lançou ao mundo vários arqueiros muito bons, como Júlio César, Dida e Alisson, e que conseguiram muito sucesso no esporte. Muitos, inclusive, marcaram época na Europa.

Outros, mesmo sem o mesmo protagonismo dos exemplos citados anteriormente, também conseguiram realizar o sonho de trabalhar no Velho Continente. Você se lembra de algum? Confira abaixo 7 goleiros brasileiros que atuaram na Europa e você não lembrava.

1. Júlio Sérgio

Julio Sergio atuou em algumas clubes na Europa. | Claudio Villa/Getty Images
Julio Sergio atuou em algumas clubes na Europa. | Claudio Villa/Getty Images

Júlio Sérgio começou sua carreira no Botafogo-SP e passou por vários clubes do Brasil, como Comercial, Santos e Juventude, antes de ir para a Europa. Em 2006, o arqueiro recebeu uma oportunidade e foi para a Roma, da Itália, onde ficou até 2013. Lá, o brasileiro ainda foi emprestado ao Lecce.

2. Diego Cavalieri

O Liverpool gosta dos goleiros do Brasil. | Alex Livesey/Getty Images
O Liverpool gosta dos goleiros do Brasil. | Alex Livesey/Getty Images

Após surgir bem no Palmeiras, Diego Cavalieri foi contratado pelo Liverpool, da Inglaterra, e lá ficou entre 2008 e 2010. Em seguida, o goleiro foi para o Cesena, da Itália, e depois retornou ao Brasil, onde se tornou ídolo do Fluminense. Já em 2018, o veterano teve uma rápida passagem pelo Crystal Palace. Aos 38 anos, ele defende o Botafogo desde o ano retrasado.

3. Júlio César

Júlio César atuou em Portugal e na Espanha, além do Brasil. | JOSEP LAGO/Getty Images
Júlio César atuou em Portugal e na Espanha, além do Brasil. | JOSEP LAGO/Getty Images

Júlio César – não confundir com o ex-Flamengo, Inter de Milão e Seleção Brasileira – também se aventurou na Europa ao longo de sua carreira. Além de ter defendido Botafogo, Grêmio e Fluminense, o guarda-redes também atuou por Benfica, Getafe, Granada e outros clubes no Velho Continente.

4. Muriel

Muriel também tentou a vida na Europa. | Carlos Rodrigues/Getty Images
Muriel também tentou a vida na Europa. | Carlos Rodrigues/Getty Images

Irmã de Alisson, do Liverpool, Muriel também tentou carreira na Europa. Revelado pelo Internacional e com passagens por Bahia, Portuguesa e Caxias, o paredão trabalhou no Belenenses, de Portugal, entre 2017 e 2019. Desde então, ele defende o Fluminense.

5. Renan

Renan trabalha no Velho Continente desde 2017. | NIKOLAY DOYCHINOV/Getty Images
Renan trabalha no Velho Continente desde 2017. | NIKOLAY DOYCHINOV/Getty Images

Renan dos Santos apareceu para o mundo no Botafogo. Antes de ir para a Europa, o brasileiro ainda passou pelo Avaí. Aos 32 anos e com boa bagagem no futebol, o arqueiro defende o Ludogorets Razgrad, da Bulgária, desde 2017.

6. Gomes

Lembra dele? Gomes boa parte de sua carreira na Europa. | Pool/Getty Images
Lembra dele? Gomes boa parte de sua carreira na Europa. | Pool/Getty Images

Lembra dele? Heurelho da Silva Gomes, o popular Gomes, construiu praticamente toda a sua carreira na Europa. Base do Cruzeiro, o goleiro defendeu PSV, Tottenham, Hoffenheim e Watford ao longo de sua carreira. Recentemente, ele defendeu o Democrata na 2ª Divisão do Campeonato Mineiro.

7. Vagner

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O goleiro Vagner rodou o mundo da bola. Formado no Athletico-PR, o brasileiro atuou em clubes do Brasil, de Portugal, da Bélgica e até do Azerbaijão. Aos 35 anos, o paredão foi anunciado recentemente como reforço do Nacional.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos