7 comemorações de gol que deram o que falar e nunca foram esquecidas pelos torcedores

Antonio Mota
·3 minuto de leitura

O Vasco venceu o Flamengo por 3 a 1, no Maracanã, na noite da última quinta-feira (15), pela nona rodada do Campeonato Carioca de 2021. Autor de um gol no Clássico dos Milhões, Morato deu o que falar nas redes socias ao imitar a histórica comemoração de Edmundo contra o próprio arquirrival na década de 1990.

Com esse gancho, o 90min Brasil decidiu recordar 7 celebrações de gol que deram o que falar e nunca foram esquecidas pelos torcedores. Confira:

1. Morato copia Edmundo em Clássico dos Milhões

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Destaque no Clássico dos Milhões, Morato entortou Filipe Luís e marcou um lindo gol para fechar o placar de 3 a 1 do Vasco contra o Flamengo. O atacante comemorou “à lá Edmundo”, o que enlouqueceu os torcedores.

2. Paulo Nunes imitando Saci em um Gre-Nal

ídolo do Grêmio, Paulo Nunes marcou um golaço no Gre-Nal e provocou a torcida do Inter. | Kasuhiro NOGI/Getty Images
ídolo do Grêmio, Paulo Nunes marcou um golaço no Gre-Nal e provocou a torcida do Inter. | Kasuhiro NOGI/Getty Images

Ídolo do Grêmio, Paulo Nunes fez uma comemoração histórica num Gre-Nal em 1996. Após marcar um golaço de bicicleta, o artilheiro imitou o Saci, mascote do Internacional. A torcida do Imortal nunca vai esquecer esse momento...

3. Souza faz o ‘chororô’ num Flamengo x Botafogo

O Brasil inteiro conhece o “chororô” de Souza. | JAIME RAZURI/Getty Images
O Brasil inteiro conhece o “chororô” de Souza. | JAIME RAZURI/Getty Images

Após diretoria e jogadores do Botafogo se reunirem para reclamar da arbitragem de uma partida contra o Flamengo, o atacante Souza lançou o famoso “chororô” em 2008. Os botafoguenses não gostaram nada da provocação.

4. Dentinho e Ralf pescando em um Corinthians x Santos

Destaques do Corinthians, Dentinho e Ralf não perdoaram o Santos. | AFP/Getty Images
Destaques do Corinthians, Dentinho e Ralf não perdoaram o Santos. | AFP/Getty Images

Há pouco mais de dez anos, em 2010, Dentinho e Ralf comemoraram “pescando” num duelo do Corinthians contra o Santos. A Nação do Peixe ficou revoltada.

5. Eduardo Sasha dançando na final do Gauchão

Sasha bailou num Gre-Nal. Histórico! | Lucas Uebel/Getty Images
Sasha bailou num Gre-Nal. Histórico! | Lucas Uebel/Getty Images

Cornetada pesada! Após marcar o primeiro gol da decisão do Internacional contra o Juventude no Gauchão de 2016, Eduardo Sasha foi até a bandeira de escanteio, a arrancou e dançou valsa. A comemoração foi vista como uma provocação ao arquirrival Grêmio, que amargava um jejum de títulos.

6. Viola imitando um porco em Palmeiras x Corinthians

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Polêmico e matador, Viola não perdoava os adversários, em especial o Palmeiras. Voando no Corinthians, o atacante foi às redes na final do Campeonato Paulista de 1993 e imitou um porco, mascote do Verdão. A comemoração nunca saiu da memória da Fiel.

7. Rafael Silva imitando uma galinha no Clássico Mineiro

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O Cruzeiro venceu o Atlético-MG por 1 a 0 em uma partida do Campeonato Mineiro de 2016. Herói da Raposa, Rafael Silva marcou o único gol do Clássico Mineiro e tratou de provocar o Galo imitando uma galinha. Os cruzeirenses foram ao delírio, enquanto os atleticanos ficaram revoltados.