6 jogadores que atuaram no Genk, da Bélgica, e você não sabia

Lucas Humberto
·3 minuto de leitura

Alguns jogadores alcançam o estrelato bem longe dos seus primeiros clubes. Normalmente, jovens talentos começam a se destacar em times de menor expressão para dar passos maiores depois atingir certa maturidade física e técnica. Hoje, relembramos seis jogadores que atuaram no Genk, da Bélgica, e você não sabia ou pelo menos não estava tão fresco assim na memória.

1. Kevin De Bruyne

De Bruyne foi revelado na base do Genk. | EuroFootball/Getty Images
De Bruyne foi revelado na base do Genk. | EuroFootball/Getty Images

De Bruyne não teve uma simples passagem pelo Genk, ele foi formado lá. O meia-atacante ficou no clube entre os anos de 2005 e 2012, quando encaminhou sua saída e foi brilhar no Chelsea.

O jogador disputou 113 partidas pelo time belga, marcou 17 gols e deu 36 assistências. O camisa 17 está no Manchester City desde 2015 e, além do status de estrela, está próximo de anotar mais um título da Premier League no currículo.

2. Thibaut Courtois

Courtois está nos merengues desde 2018. | EuroFootball/Getty Images
Courtois está nos merengues desde 2018. | EuroFootball/Getty Images

O goleiro titular do Real Madrid foi revelado no Genk. E essa não é a única coincidência com a trajetória de De Bruyne, uma vez que Courtois também rumou ao Chelsea em 2011.

Mais tarde, o belga defendeu as cores do Atlético de Madrid e está na meta dos merengues desde 2018.

3. Kalidou Koulibaly

Koulibaly venceu a Taça de Bélgica, pelo Genk. | EuroFootball/Getty Images
Koulibaly venceu a Taça de Bélgica, pelo Genk. | EuroFootball/Getty Images

Koulibaly foi criado nas categorias de base de Ligue 1. Em 2012, o zagueiro teve sua primeira experiências longe dos domínios franceses e se encaminhou a Jupiler Pro League, nome do Campeonato Belga, onde ficou até 2014, quando passou a defender as cores do Napoli.

Ele disputou 92 partidas pelo Genk, anotou três gols e deu cinco assistências.

4. Sergej Milinković-Savić

Milinković-Savić ficou somente a campanha 2014/15 no Genk. | KRISTOF VAN ACCOM/Getty Images
Milinković-Savić ficou somente a campanha 2014/15 no Genk. | KRISTOF VAN ACCOM/Getty Images

Milinković-Savić é filho do ex-jogador Nikola. Sua passagem pelo Genk durou somente uma temporada, mas foi determinante para que o meia mostrasse desempenho regular. Em 24 partidas, ele marcou cinco gols e deu uma assistência.

Atualmente na Lazio, o jogador é sinônimo de constância e, somente na campanha atual da Série A, anotou seis tentos e foi 'garçom' nove vezes, considerando seus 25 jogos no plantel.

5. Daniel Pudil

Pelo Genk, Pudil foi campeão nacional na temporada 2010/11. | Dino Panato/Getty Images
Pelo Genk, Pudil foi campeão nacional na temporada 2010/11. | Dino Panato/Getty Images

Pudil tem passagens em diversos times do Velho Continente e já defendeu as cores de clube de LaLiga, Série A e Premier League. Entre 2008 e 2012, disputou a Jupiter Pro League pelo Genk. Foram 148 partidas, onde ele anotou quatro gols e deu 15 assistências.

Atualmente Pudil está na Viktoria Zizkov, da República Checa.

6. Timothy Castagne

Castagne foi convocado para defender a Seleção Belga. | Plumb Images/Getty Images
Castagne foi convocado para defender a Seleção Belga. | Plumb Images/Getty Images

O lateral é mais uma das crias do Genk e esteve no clube belga entre 2011 e 2017. Atualmente no Leicester, da Premier League, Castagne recentemente foi convocado para defender a Seleção da Bélgica nas Eliminatórias europeias para Copa do Mundo.

Bônus!

Ianis Hagi

Hagi é filho do lendário Gheorghe. | Quality Sport Images/Getty Images
Hagi é filho do lendário Gheorghe. | Quality Sport Images/Getty Images

Embora ainda não seja possível cravar que Ianis Hagi será um grande nome do futebol mundial, o jovem de 22 anos está no caminho certo. Filho de Gheorghe, o meia atualmente defende as cores dos Rangers, da Escócia, e é treinado pelo também lendário Steven Gerrard.

Ele disputou 19 jogos pelo Genk, onde anotou três gols e deu quatro assistências.