5 ex-laterais do Grêmio em quem Rafinha pode se inspirar para ter sucesso no novo clube

Fabio Utz
·2 minuto de leitura

As negativas do presidente Romildo Bolzan Júnior não resistiram ao poder de convencimento de Renato Portaluppi. Aos 35 anos, o lateral-direito Rafinha será anunciado como reforço do Grêmio para a temporada de 2021. O atleta chega à Arena respaldado por uma carreira consolidada na Europa, além de ter vestido a camisa da Seleção Brasileira e, recentemente, participado como protagonista das conquistas da Libertadores e do Campeonato Brasileiro pelo Flamengo.

Agora, para dar certo em Porto Alegre, ele pode seguir os passos de ao menos cinco colegas de posição que, sim, estão na história do Tricolor. Inspiração é o que não falta...

1. Paulo Roberto

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Formado no Grêmio, levou o clube à glória no Brasileirão de 1981 e ao topo da América e do mundo em 1983. Taça e qualidade no pé nunca faltaram para o Coelhinho.

2. Arce

Paraguaio chegou em 1995 para ficar na galeia de heróis | PAULO WHITAKER/Getty Images
Paraguaio chegou em 1995 para ficar na galeia de heróis | PAULO WHITAKER/Getty Images

De pouco conhecido, o paraguaio figura entre os nomes mais vencedores de todos os tempos do Grêmio. Seu cruzamento e sua cobrança de faltam eram preciosos. Libertadores, Campeonato Brasileiro, Recopa, Copa do Brasil. O paraguaio ganhou tudo e mais um pouco.

3. Anderson Lima

Com muita qualidade, lateral ganhou a Copa do Brasil de 2001 | JEFFERSON BERNARDES/Getty Images
Com muita qualidade, lateral ganhou a Copa do Brasil de 2001 | JEFFERSON BERNARDES/Getty Images

É outro que batia na bola como poucos. Chegou ao Grêmio para fazer parte de um elenco repleto de estrelas no ano 2000, mas foi a partir de 2001, com a conquista da Copa do Brasil, que se transformou em ídolo.

4. Edílson

Edílson virou ídolo tricolor em sua segunda passagem pelo clube | KARIM SAHIB/Getty Images
Edílson virou ídolo tricolor em sua segunda passagem pelo clube | KARIM SAHIB/Getty Images

Em sua segunda passagem pelo Grêmio, entrou para a história. Regressou ao clube para, logo em seguida, ser o lateral titular das conquistas da Copa do Brasil (2016) e da Libertadores (2017).

5. Leonardo Moura

Lateral chegou ao Grêmio já com 38 anos | Amilcar Orfali/Getty Images
Lateral chegou ao Grêmio já com 38 anos | Amilcar Orfali/Getty Images

Contratado a pedido de Renato Portaluppi, chegou à Arena no inicio de 2017, com 38 anos, e fez parte do grupo campeão da América daquele ano. Já em 2018, herdou a condição de titular de Edilson e ganhou a Recopa Sul-Americana.