As 30 contratações mais caras da história do futebol

Fabio Utz
·11 minuto de leitura

É bem verdade que, com a pandemia de coronavírus e a consequente crise de mercado, os valores para a contratação de jogadores deram uma arrefecida no último ano. No entanto, a tendência é de que, logo ali adiante, os preços voltem a subir. Enquanto isso, que tal dar uma olhada nos 30 negócios mais caros da história do futebol?

30. Lemar - 72 milhões de euros

Jogador defendia o Monaco antes de chegar ao Atlético de Madrid | Sonia Canada/Getty Images
Jogador defendia o Monaco antes de chegar ao Atlético de Madrid | Sonia Canada/Getty Images

O fato de Lemar aparecer aqui é um sinal do crescimento econômico e desportivo que o Atlético de Madrid teve desde a chegada de Simeone. Em 2018, após a Copa do Mundo e o título conquistado pelo atleta, o clube pagou 72 milhões de euros ao Monaco. Foi difícil para ele se encaixar no time, mas agora parece evoluir de forma definitiva.

29. Arthur - 72 milhões de euros

Meio-campista brasileiro trocou o Barcelona pela Juventus | Jonathan Moscrop/Getty Images
Meio-campista brasileiro trocou o Barcelona pela Juventus | Jonathan Moscrop/Getty Images

Na verdade, a venda de Arthur está marcada com um asterisco. Ele trocou o Barcelona pela Juventus no último verão europeu por 72 milhões de euros, mas em troca a equipe espanhola contratou Pjanic por 60 milhões de euros. Foi uma operação conjunta justamente para evitar irregularidades econômicas conforme regras vigentes no continente europeu.

28. Lukaku - 74 milhões de euros

Centroavante conduz Inter de Milão ao topo do Italiano | Marco Luzzani/Getty Images
Centroavante conduz Inter de Milão ao topo do Italiano | Marco Luzzani/Getty Images

Lukaku é um jogador que eleva o padrão de qualidade de uma equipe. Estava bem no Manchester United, mas chegou à Inter de Milão para se tornar um ídolo do torcedor. Está prestes a levar o clube ao título do Campeonato Italiano.

27. James Rodríguez - 75 milhões de euros

Colombiano chegou ao Bernabéu depois da Copa de 2014 | Eurasia Sport Images/Getty Images
Colombiano chegou ao Bernabéu depois da Copa de 2014 | Eurasia Sport Images/Getty Images

A Copa do Mundo de 2014 colocou James Rodríguez na vitrine do futebol. Teve uma performance incrível com a seleção colombiana, e isso fez com que o Real Madrid pagasse 75 milhões de euros ao Monaco. Atualmente, defende o Everton.

26. Di María - 75 milhões de euros

Di María não teve sucesso em Old Trafford | Alex Livesey/Getty Images
Di María não teve sucesso em Old Trafford | Alex Livesey/Getty Images

O Real Madrid precisava fazer dinheiro. E vendeu o argentino ao Manchester United, em 2014, pelo mesmo valor que comprou James. Em Old Trafford, o argentino não foi bem, mas acabou se transferindo ao PSG para viver os melhores momentos da carreira.

25. De Bruyne - 76 milhões de euros

Belga é uma das grandes estrelas do futebol atual | Chloe Knott - Danehouse/Getty Images
Belga é uma das grandes estrelas do futebol atual | Chloe Knott - Danehouse/Getty Images

O belga chegou ao Manchester City em 2015 vindo do Wolfsburg e depois de uma péssima 'experiência' no Chelsea de José Mourinho. Parecia uma contratação arriscada, mas se justificou plenamente. Não há ninguém ao seu nível em sua posição no futebol atual.

24. Zinedine Zidane - 77 milhões de euros

Francês virou lenda no Real Madrid | PIERRE-PHILIPPE MARCOU/Getty Images
Francês virou lenda no Real Madrid | PIERRE-PHILIPPE MARCOU/Getty Images

No momento em que chegou ao Real Madrid, em 2001, ele quebrou o recorde de contratação mais cara da história. Foi o segundo 'galáctico' que Florentino Pérez trouxe na sua primeira fase como presidente do clube, depois de Figo. O francês foi comprado da Juventus e virou lenda.

23. Kepa - 80 milhões de euros

Trata-se do goleiro mais caro da história | Sebastian Frej/MB Media/Getty Images
Trata-se do goleiro mais caro da história | Sebastian Frej/MB Media/Getty Images

O goleiro mais caro da história é o espanhol. O Chelsea pagou a multa rescisória ao Athletic Bilbao no verão de 2018. Teve altos e baixos no clube inglês, tanto que hoje é reserva de Mendy.

22. Pépé - 80 milhões de euros

Brilho no Lille garantiu transferência ao Arsenal | James Williamson - AMA/Getty Images
Brilho no Lille garantiu transferência ao Arsenal | James Williamson - AMA/Getty Images

Fez duas temporadas sensacionais no Lille, o que lhe valeu a ida para um gigante europeu, o Arsenal, em 2019. Ele ainda não atingiu os números esperados no clube londrino.

21. Lucas Hernández - 80 milhões de euros

Jogador foi comprado pelo Bayern junto ao Atlético de Madrid | Martin Rose/Getty Images
Jogador foi comprado pelo Bayern junto ao Atlético de Madrid | Martin Rose/Getty Images

É o único investimento deste lista feito pelo Bayern de Munique. Os bávaros se caracterizam pela 'pesca' de tudo de bom que sai de seu país, e a Bundesliga é um mercado que se move em números menores. No entanto, o clube saiu da rotina pelo defensor do Atlético de Madrid. Sua multa foi quitada em janeiro de 2019, para que fosse incorporado ao time ao final daquela temporada.

20. Havertz - 81 milhões de euros

Atleta vem muito bem na reta final da temporada | Sebastian Frej/MB Media/Getty Images
Atleta vem muito bem na reta final da temporada | Sebastian Frej/MB Media/Getty Images

Foi a compra mais cara do Chelsea no último verão europeu. Maior promessa do futebol alemão do momento, ele estava no Bayer Leverkusen. Vem muito bem na reta final de temporada.

19. Luis Suárez - 82 milhões de euros

Uruguaio marcou época no Barcelona | Power Sport Images/Getty Images
Uruguaio marcou época no Barcelona | Power Sport Images/Getty Images

Luis Suárez é um dos melhores atacantes da história do Barcelona. Havia rumores de sua saída para o Real Madrid, mas depois da Copa do Mundo no Brasil, o Barcelona gastou 82 milhões de euros para comprar um atacante que havia 'rompido' com o Liverpool. Ele não decepcionou no Camp Nou e formou um tridente letal com Neymar e Messi. Foi liberado para o Atlético de Madrid como o terceiro maior artilheiro da equipe em todos os tempos.

18. Van Dijk - 84 milhões de euros

Zagueiro mudou o rumo da história do Liverpool | Soccrates Images/Getty Images
Zagueiro mudou o rumo da história do Liverpool | Soccrates Images/Getty Images

Por mais estranho que pareça, foi um zagueiro que definitivamente mudou o rumo do Liverpool. Jürgen Klopp o retirou do Southampton em janeiro de 2018, em parte graças ao dinheiro que o clube havia recebido com a venda do Philippe Coutinho para o Barcelona. Começando com Van Dijk, o alemão foi capaz de construir uma defesa temível, com a qual se tornou campeão europeu em 2019, após vencer o Tottenham (2-0), e conquistou a última Premier League.

17. Lukaku - 84,7 milhões de euros

Lukaku foi comprado pelo Manchester United em 2017 | Matthew Ashton - AMA/Getty Images
Lukaku foi comprado pelo Manchester United em 2017 | Matthew Ashton - AMA/Getty Images

É a segunda vez que Lukaku aparece neste ranking. Isso faz do atacante um dos jogadores que mais movimentou dinheiro na história. No Everton, ele acabou explodindo, tanto que o Manchester United pagou quase 85 milhões de euros pelo seu futebol em 2017.

16. De Ligt - 85 milhões de euros

Zagueiro fazia parte de um grande time do Ajax | Soccrates Images/Getty Images
Zagueiro fazia parte de um grande time do Ajax | Soccrates Images/Getty Images

Estava claro que depois da grande temporada 2018/2019 do Ajax, muitos de seus talentos iriam voar. Um deles era De Ligt. A Juventus pagou 85 milhões pelo zagueiro visto como o futuro grande nome da posição na Europa. Em campo, tem sido indiscutível.

15. De Jong - 86 milhões de euros

Meio-campista é um dos destaques do Barcelona | Soccrates Images/Getty Images
Meio-campista é um dos destaques do Barcelona | Soccrates Images/Getty Images

A outra grande estrela do Ajax era De Jong. O Barcelona garantiu sua chegada ainda no início de 2019. Na atual temporada, vem comprovando ser um meio-campista completo. A negociação foi dividida em duas partes: 75 milhões pelos direitos econômicos e 11 milhões em variáveis, que tiveram que ser pagos.

14. Maguire - 87 milhões de euros

Inglês é indiscutível no elenco do United | Gareth Copley/Getty Images
Inglês é indiscutível no elenco do United | Gareth Copley/Getty Images

Uma das obsessões do Manchester United nas últimas temporadas tem sido renovar sua defesa, especialmente a zaga central. Maguire ganhou mídia após a Copa do Mundo de 2018, na qual chegou às semifinais com a Inglaterra. Ele passou mais um ano no Leicester e, no verão de 2019, partiu para os Red Devils para se tornar a venda mais cara da história dos Foxes. É titular indiscutível.

13. Neymar - 88,2 milhões de euros

Garoto encantava no Santos e chegou ao Camp Nou em 2013 | JOSEP LAGO/Getty Images
Garoto encantava no Santos e chegou ao Camp Nou em 2013 | JOSEP LAGO/Getty Images

Ele ainda aparecerá mais à frente nesta lista, mas sua chegada ao Barcelona, em 2013, foi repleta de expectativa. Era um jovem de 21 anos que encantava o futebol brasileiro com a camisa do Santos. Venceu praticamente tudo ao lado de Suárez e Messi.

12. Higuaín - 90 milhões de euros

Argentino custou verdadeira fortuna à Juve | Valerio Pennicino/Getty Images
Argentino custou verdadeira fortuna à Juve | Valerio Pennicino/Getty Images

Apesar de ter saído do Real Madrid pela porta dos fundos, a carreira de Higuaín foi revitalizada na Itália. Se tornou um dos maiores artilheiros do Napoli, o que levou a Juventus a contratá-lo por 90 milhões de euros em 2016.

11. Cristiano Ronaldo - 94 milhões de euros

Português chegou ao Real em 2009 | PIERRE-PHILIPPE MARCOU/Getty Images
Português chegou ao Real em 2009 | PIERRE-PHILIPPE MARCOU/Getty Images

Há quem diga que a contratação de Cristiano Ronaldo pelo Real Madrid, em 2009, é a mais importante da história do futebol - pelo preço e o interesse midiático. Era quase impensável, para o mercado do futebol, se pagar 94 milhões de euros por um jogador. Mas após nove anos, 4 Champions, 16 títulos e 450 gols, saiu rumo à Juventus como artilheiro e lenda do clube merengue.

10. Gareth Bale - 101 milhões de euros

Galês empilhou títulos no Santiago Bernabéu, mas teve problemas | Etsuo Hara/Getty Images
Galês empilhou títulos no Santiago Bernabéu, mas teve problemas | Etsuo Hara/Getty Images

O top10 é aberto com um jogador do Real Madrid. Apenas quatro anos após a chegada de Cristiano Ronaldo, Florentino Pérez fez um segundo investimento de porte vultuoso. A grande contratação do verão de 2013 foi Gareth Bale. O galês chegou como uma estrela de 91 milhões de euros (mais 10 milhões em variáveis) e passou sete temporadas ganhando tudo antes de retornar ao Tottenham, onde atua no momento.

9. Pogba - 105 milhões de euros

Pobga retornou ao futebol inglês há cinco anos | OLI SCARFF/Getty Images
Pobga retornou ao futebol inglês há cinco anos | OLI SCARFF/Getty Images

O caso de Pogba foi outro daqueles que se converteu na então contratação mais cara da história. Foi em 2016, quando o meio-campista deixou a Juventus para retornar ao Manchester United, seu clube de origem.

8. Hazard - 115 milhões de euros

Belga está longe de engrenar com a camisa merengue | Xaume Olleros/Getty Images
Belga está longe de engrenar com a camisa merengue | Xaume Olleros/Getty Images

Depois de uma horrível temporada com a saída de Zidane e Cristiano Ronaldo, o Real Madrid fez o maior investimento da sua história no verão de 2019. Foram gastos 320 milhões de euros, e o escolhido para substituir o português foi Eden Hazard. Estava entre os cinco melhores jogadores de futebol do mundo, tendo se apresentado melhor do que nunca no Chelsea e na seleção belga. No entanto, desde sua chegada ao Bernabéu, sofre com uma incrível sequência de lesões.

7. Cristiano Ronaldo - 117 milhões de euros

Português saiu de sua "zona de conforto" em Madri | MARCO BERTORELLO/Getty Images
Português saiu de sua "zona de conforto" em Madri | MARCO BERTORELLO/Getty Images

CR7 se coloca nesta lista pela segunda vez. Sua saída do Real Madrid em 2018 foi um tanto traumática, embora tenha deixado uma boa quantia nos cofres do clube branco. Ainda corre atrás de uma Champions pelo time de Turim.

6. Griezmann - 120 milhões de euros

Contratação do francês foi cercada de polêmica | Soccrates Images/Getty Images
Contratação do francês foi cercada de polêmica | Soccrates Images/Getty Images

O Barcelona queria refazer um tridente dos sonhos no ataque. É por isso que, no verão de 2019, contratou um dos melhores jogadores de La Liga junto ao Atlético de Madrid, um rival direto do clube catalão na briga por títulos.

5. João Félix - 127 milhões de euros

Português é considerado um jovem talento | Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images
Português é considerado um jovem talento | Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images

Com o dinheiro obtido na saída de Griezmann, o Atlético de Madrid não hesitou. Ele apostou, muito, também em 2019, em um jovem de 19 anos que era destaque do Benfica. Se ainda não deslanchou por completo, está longe de ser considerado sem importância.

4. Dembélé - 135 milhões de euros

Atacante demorou para explodir com a camisa culé | Pablo Morano/MB Media/Getty Images
Atacante demorou para explodir com a camisa culé | Pablo Morano/MB Media/Getty Images

Após a venda de Neymar, o primeiro substituto que o Barcelona procurou foi Dembelé. Inicialmente, custou 115 milhões de euros, mas o Borussia Dortmund garantiu mais 20 milhões por conta de variváveis. Parece que, finalmente, o atleta explodiu.

3. Philippe Coutinho - 135 milhões de euros

Brasileiro era sucesso no Liverpool quando chegou ao Camp Nou | David Ramos/Getty Images
Brasileiro era sucesso no Liverpool quando chegou ao Camp Nou | David Ramos/Getty Images

O brasileiro poderia ter custado até 160 milhões de euros. No entanto, devido a uma lesão, variáveis não foram cumpridas, o que fez o Barça poupar dinheiro junto ao Liverpool. O clube buscava, em 2018, um substituto para Neymar, mas não encontrou isso no meia.

2. Mbappé - 180 milhões de euros

Atacante vinha em alta no Monaco antes de chegar ao PSG | VALERY HACHE/Getty Images
Atacante vinha em alta no Monaco antes de chegar ao PSG | VALERY HACHE/Getty Images

Era o jogador da moda na Europa no verão de 2017, quando brilhou com o Monaco - o tornou campeão da Ligue 1 e o levou às semifinais da Champions. O que fez o Paris Saint Germain, o principal rival do time do principado? Pagou 180 milhões pelo atacante que tinha apenas 18 anos.

1. Neymar - 222 milhões de euros

Brasileiro chegou à França sob muitos holofotes | AFP Contributor/Getty Images
Brasileiro chegou à França sob muitos holofotes | AFP Contributor/Getty Images

No mesmo verão em que o Paris Saint Germain assinou com Mbappé, fechou com Neymar, pagando a multa rescisória de 222 milhões de euros ao Barcelona em um dos negócios de maior repercussão em todos os tempos no futebol. Isso aconteceu em 2017, e o brasileiro segue como estrela do clube parisiense.