3 times em ação na primeira fase da Sul-Americana que podem virar ameaça aos brasileiros

Fabio Utz
·1 minuto de leitura

A Copa Sul-Americana já vive seus primeiros momentos decisivos. A partir desta semana, serão conhecidos os classificados para a fase de grupos. O 90min se antecipa ao que os times brasileiros (Corinthians, Athletico-PR, Atlético-GO, Bahia, Bragantino e Ceará) poderão encontrar e elenca três rivais que, pela tradição ou pelo que fizeram na rodada de ida da primeira etapa da competição, podem se tornar uma "pedra no sapato".

1. Tolima (Colômbia)

Equipe derrotou com facilidade rival local no jogo de ida | JUAN BARRETO/Getty Images
Equipe derrotou com facilidade rival local no jogo de ida | JUAN BARRETO/Getty Images

Já aprontou diante do Corinthians na Libertadores de 2011 e deve confirmar classificação depois de aplicar incontestáveis 3 a 0 no Deportivo Cali, rival do mesmo país, no duelo de ida.

2. Peñarol (Uruguai)

Clube de Montevidéu tem a tradição ao seu lado | Pool/Getty Images
Clube de Montevidéu tem a tradição ao seu lado | Pool/Getty Images

É pura tradição. Se há algum tempo não consegue repetir o futebol que o consagrou na América, sempre aparece como ameaça. Impossível ignorar o time de Montevidéu. Faz nesta terça-feira a primeira partida frente ao também uruguaio Cerro Largo.

3. Sport Huancayo (Peru)

Time peruano pode ter a altitude a seu favor | ERNESTO BENAVIDES/Getty Images
Time peruano pode ter a altitude a seu favor | ERNESTO BENAVIDES/Getty Images

A qualidade em si do time não chega a ser um grande problema. No entanto, se mandar os jogos em sua cidade-sde (Huancayo), a altitude de mais de 3.200 metros vira uma forte ameaça. Abriu vantagem (1 a 0) diante do UTC no jogo de ida.