3 jogadores que sofreram mal súbito em campo durante uma partida de futebol

·1 minuto de leitura

A Eurocopa era para ser, apenas, uma festa. Mas o mundo do futebol ficou abalado com a queda repentina do dinamarquês Eriksen no gramado ainda no primeiro tempo da partida contra a Finlândia, neste sábado. O 90min, desejando força ao atleta, relembra 3 casos de jogadores que sofreram um mal súbito dentro de campo. O que todos nós queremos, no entanto, é que o final dessa história seja bem diferente das demais.

1. Serginho - São Caetano

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O ex-zagueiro do São Caetano sofreu um mal súbito durante jogo contra o São Paulo, no Morumbi, em 27 de outubro de 2004. Acabou falecendo.

2. Miklós Fehér - Benfica

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Foi em 25 de janeiro de 2004 que ele teve uma parada cardiorrespiratória em partida diante do Vitória de Guimarães. Não resistiu.

3. Marc-Vivien Foé - Camarões

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Em 26 de junho de 2003, durante a semifinal da Copa das Confederações de 2003, o camaronês desmaiou em duelo contra a Colômbia. Também acabou morrendo, e a autópsia identificou uma hipertrofia cardíaca como causa do falecimento.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos