21 anos da Liberta: Palmeiras publica narração de Galvão e fotos históricas


Há exatamente 21 anos, em 16 de junho de 1999, o Palmeiras conquistava a Libertadores, e o clube utilizou suas redes sociais para comemorar. Além de publicar fotos históricas da celebração depois da final, o Verdão publicou, em seu Twitter, Galvão Bueno narrando o pênalti que definiu a conquista, em áudio retirado da transmissão realizada pela Rede Globo naquela noite.

A conquista continental veio depois de vitória por 2 a 1 no tempo normal, e por 4 a 3 nos pênaltis, diante do Deportivo Cali, que tinha ganhado a ida por 1 a 0, na Colômbia. Na volta, no Palestra Itália, Evair abriu o placar em cobrança de pênalti, aos 20 minutos do segundo tempo, Zapata empatou aos 25, também batendo pênalti, e Oséas sentenciou o triunfo, aos 31. Nas cobranças decisivas, Zinho errou a primeira, mas Júnior Baiano, Roque Júnior, Rogério e Euller converteram. Já os colombianos desperdiçaram com Bedoya e Zapata.

Confira a publicação no Twitter do Palmeiras com a narração de Galvão Bueno:

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

No Instagram, o clube publicou fotos do capitão César Sampaio, do técnico Luiz Felipe Scolari e do goleiro Sérgio com o troféu da competição nas mãos, o goleiro Marcos vibrando depois de ver que Zapata errou o último pênalti e do meia Alex comemorando abraçado ao volante Rogério. Veja abaixo:

Confira a ficha técnica da partida disputada em 16 de junho de 1999:

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS (4) 2 x 1 (3) DEPORTIVO CALI

Local:


Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data: 16/6/1999
Árbitro: Ubaldo Aquino (Paraguai)
Público: 32.000 pagantes
Cartões amarelos: Alex, Júnior Baiano e Zinho (PAL); Córdoba, Betancourt, Zapata, Hurtado e Dudamel (DEP)
Cartões vermelhos: Mosquera (34'/2ºT) (DEP); Evair (49'/2ºT) (PAL)
Gols: Evair (20′/2ºT) (1-0), Zapata (25′/2ºT) (1-1) e Oséas (31′/2ºT) (2-1)
Pênaltis:
PALMEIRAS: Júnior Baiano, Roque Júnior, Rogério e Euller fizeram; Zinho errou.
DEPORTIVO CALI: Dudamel, Gavíria e Yépez; Bedoya e Zapata erraram

PALMEIRAS: Marcos; Arce (Evair, 12'/2ºT), Júnior Baiano, Roque Júnior e Júnior; César Sampaio, Rogério, Zinho e Alex (Euller, 30'/2ºT); Paulo Nunes e Oséas. Técnico: Luiz Felipe Scolari

DEPORTIVO CALI: Dudamel; Pérez (Gavíria, 39'/2ºT), Mosquera, Yépez e Bedoya; Zapata, Viveros, Betancourt e Candelo (Hurtado, 16'/2ºT); Córdoba (Valencia, 35'/2ºT) e Bonilla. Técnico: José Hernández















Leia também