2 - Fluminense sofre com as finanças e deve três meses ao grupo

LEO BURLÁ

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Se dentro de campo a fase do Fluminense é das melhores, o mesmo cenário não se aplica às finanças tricolores.

Sem patrocinador máster e em litígio com a fornecedora de material esportivo, o clube já deve três meses dos direitos de imagem do elenco.

As dificuldades financeiras, no entanto, não têm contagiado o grupo, que responde bem ao trabalho liderado pelo técnico Abel Braga. O treinador tem sido peça fundamental na manutenção do espírito da equipe.

Diante deste quadro delicado, é bem provável que haja a necessidade de que um jogador seja vendido na próxima janela de transferências da Europa. Mais valorizados do elenco, os jovens Richarlison e Gustavo Scarpa são os mais cotados para deixarem o clube das Laranjeiras. Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do clube informou que não se manifestaria sobre o assunto.

Problemas financeiros à parte, o Fluminense já levantou a Taça Guanabara e segue firme na briga pelo título do Carioca.