10 treinadores brasileiros que estão livres no mercado

Antonio Mota
·3 minuto de leitura

Em meio ao calendário atropelado, a reformulações atravessadas e a problemas financeiros, os clubes do Brasil têm se movimentado nos corredores de poder para ficar o mais forte possível para a sequência da temporada. E, para além das movimentações por jogadores, muitas agremiações também estão à procura de novos treinadores. Confira abaixo 10 técnicos brasileiros consolidados que estão livres no mercado.

1. Dunga

Dunga não trabalha há muitos anos no futebol do Brasil. | Claudio Villa/Getty Images
Dunga não trabalha há muitos anos no futebol do Brasil. | Claudio Villa/Getty Images

Fora do mercado há mais de quatro anos e ex-treinador da Seleção Brasileira, Dunga não trabalha desde 2016, quando caiu justamente da Amarelinha. Aos 57 anos, o tetra mundial não tem como prioridade voltar ao mercado, mas também não descarta essa possibilidade.

2. Abel Braga

Abel Braga fez um bom trabalho, mas deixou o Internacional. | Buda Mendes/Getty Images
Abel Braga fez um bom trabalho, mas deixou o Internacional. | Buda Mendes/Getty Images

Após trabalhos ruins no Flamengo, no Cruzeiro e no Vasco, Abel Braga se recuperou no Internacional e hoje aparece bem no mercado. Veterano, Abelão é cotado até fora do Brasil.

3. Tiago Nunes

Tiago Nunes não decolou como o esperado... E agora? | Alexandre Schneider/Getty Images
Tiago Nunes não decolou como o esperado... E agora? | Alexandre Schneider/Getty Images

Grande treinador na história recente do Athletico-PR, Tiago Nunes não decolou como o esperado no Corinthians e foi demitido em setembro do ano passado. De lá para cá, o técnico foi ventilado em vários clubes, mas nenhum dos projetos avançou e ele segue à disposição do mercado.

4. Zé Ricardo

Cadê o Zé Ricardo? | Gabriel Rossi/Getty Images
Cadê o Zé Ricardo? | Gabriel Rossi/Getty Images

Vai voltar aos trabalhos? Zé Ricardo ‘surgiu’ no Flamengo e conta com passagens por Vasco, Botafogo, Fortaleza e Internacional – time que comandou em 2019. Hoje, aos 50 anos, o treinador está livre. Recentemente, ele foi sondado por algumas equipes do país.

5. Oswaldo de Oliveira

Oswaldo de Oliveira não tem conseguido se firmar em nenhuma equipe no Brasil. | Alexandre Schneider/Getty Images
Oswaldo de Oliveira não tem conseguido se firmar em nenhuma equipe no Brasil. | Alexandre Schneider/Getty Images

Com mais de duas décadas de carreira e muitas conquistas na mochila, Oswaldo de Oliveira é bastante conhecido no Brasil, onde treinou Corinthians, Flamengo, Santos, Fluminense - seu último clube – e muitas outras equipes, e também em outros países.

6. Fernando Diniz

Fernando Diniz fez um bom trabalho no São Paulo, mas, no fim, tudo ruiu. | Alexandre Schneider/Getty Images
Fernando Diniz fez um bom trabalho no São Paulo, mas, no fim, tudo ruiu. | Alexandre Schneider/Getty Images

Destaque da “nova geração” de técnicos brasileiros, Fernando Diniz vem acumulando bons trabalhos em sua carreira – sobretudo no Fluminense e mais recentemente no São Paulo – e tem tudo para ir longe nas próximas temporadas. Um bom treinador.

7. Vanderlei Luxemburgo

Vanderlei Luxemburgo foi rebaixado com o Vasco e deixou o clube. | Buda Mendes/Getty Images
Vanderlei Luxemburgo foi rebaixado com o Vasco e deixou o clube. | Buda Mendes/Getty Images

Embora esteja com a imagem bastante arranhada no futebol brasileiro, sobretudo após os trabalhos aquém das expectativas no Palmeiras e no Vasco, Vanderlei Luxemburgo tem história de sobra e pode dar a volta por cima. Luxa é uma lenda.

8. Dorival Júnior

Dorival Júnior saiu do Athletico-PR no ano passado e ainda não voltou ao mercado. | Alexandre Schneider/Getty Images
Dorival Júnior saiu do Athletico-PR no ano passado e ainda não voltou ao mercado. | Alexandre Schneider/Getty Images

Outro nome bastante promissor: Dorival Júnior. Apesar de não ser um ‘novato’, o treinador precisa de um trabalho mais vitorioso para conseguir firmar o seu nome em definito na beira dos gramados. Um excelente técnico e com um currículo pesado, com Flamengo, Santos, Atlético-MG e tantos outros clubes.

9. Felipão

Felipão está livre no mercado desde que deixou o Cruzeiro. | Buda Mendes/Getty Images
Felipão está livre no mercado desde que deixou o Cruzeiro. | Buda Mendes/Getty Images

Olha outro medalhão aí. Treinador do pentacampeonato mundial da Seleção Brasileira e multicampeão por onde passou, Luiz Felipe Scolari não trabalha desde que deixou o Cruzeiro, no começo do ano. Aos 72 anos, o técnico segue em atividade.

10. Mano Menezes

Mano Menezes não trabalha desde que deixou o Bahia. | Alexandre Schneider/Getty Images
Mano Menezes não trabalha desde que deixou o Bahia. | Alexandre Schneider/Getty Images

Ídolo no Corinthians e no Cruzeiro e ex-Seleção Brasileira, Mano Menezes tem um currículo pesado e, mesmo que não tenha feito um bom trabalho no Bahia (seu último clube), tem créditos para voltar com tudo ao comando técnico de alguma equipe.