As 10 maiores inimizades do mundo do futebol

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·5 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

No mundo do futebol, vários são os atletas que criam laços eternos e se transformam em grandes amigos. Podemos citar Casillas e Sergio Ramos, Ronaldinho e Deco, Cristiano Ronaldo e Marcelo, entre outros. Contudo, há também muitos exemplos clássicos do completo oposto: inimizades históricas e que se tornaram espécies de "lendas" nos bastidores da bola, afinal, quem não ama uma boa fofoca, não é mesmo?

A data deste artigo não é mero acaso. Nesta terça-feira (20), é celebrado o Dia do Amigo. O 90min Brasil resolveu investir no caminho contrário. Acompanhe.

1. Maxi Lopez e Mauro Icardi

Ambos jogaram juntos no Sampdoria | Pier Marco Tacca/Getty Images
Ambos jogaram juntos no Sampdoria | Pier Marco Tacca/Getty Images

Não muito diferente do caso anterior, Lopez e Icardi se tornaram amigos ainda nos idos da Sampdoria. Acontece que o centroavante do Paris Saint-Germain não satisfeito em conquistar a amizade do companheiro, investiu também na esposa de Maxi, que o deixou para ficar justamente com Mauro. Parece roteiro de novela...

2. Mathieu Valbuena e Karim Benzema

Caso ainda não foi resolvido na Justiça | Adam Pretty/Getty Images
Caso ainda não foi resolvido na Justiça | Adam Pretty/Getty Images

Justiça, afastamento da seleção, problemas no clube... a situação ficou complicada para os franceses. Em meados de 2015, Valbuena acusou Benzema de ter sido cúmplice de uma tentativa de chantagem para não divulgar um suposto vídeo íntimo do meio-campista. O caso se arrasta até os dias de hoje nos tribunais.

3. Wayne Bridge e John Terry

Amizade era conhecida no meio do futebol | Shaun Botterill/Getty Images
Amizade era conhecida no meio do futebol | Shaun Botterill/Getty Images

Durante muitos anos, Bridge e Terry foram companheiros de seleção, vizinhos e grandes amigos. Tudo isso acabou em meados de 2010, justamente na época em que o lateral rumou ao Manchester City. À época, Wayne ficou sabendo que John teve um caso com sua esposa, a modelo e atriz Vanessa Perroncel,

A cena mais emblemática da confusão aconteceu quando Citizens e Chelsea se preparavam para duelar e, como ambos já estavam em lados opostos, o mundo ficou na expectativa do cumprimento. Na ocasião, Bridge deixou seu ex-amigo no mais absoluto vácuo.

4. Vanderlei Luxemburgo e Marcelinho Carioca

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mais uma das confusões que se arrastou aos tribunais! Em suma - até porque seria impossível detalhar tudo aqui -, Luxemburgo e Marcelinho Carioca discutiram ao vivo, no programa Por Dentro da Bola, da Rede Bandeirantes, à época comandado por Datena e comentado pelo ex-jogador do Corinthians.

A troca de ofensas generalizada nunca fez muito sentido, e pareceu mais uma grande lavação de roupa suja acumulada de muitas décadas. No fim das contas, rolaram processos de todos os lados...

5. Diego Simeone e José Luis Caminero

Simeone e Caminero em evento do Atlético de Madrid | DANI POZO/Getty Images
Simeone e Caminero em evento do Atlético de Madrid | DANI POZO/Getty Images

Embora já tenham aparecido juntos em público para cumprir solenidades, Simeone e Caminero sempre tiveram uma relação, no mínimo, tensa. Muito semelhante aos casos acima, os principais rumores dizem que o espanhol teve um affair com a esposa do argentino. A verdade é que eles nunca selaram a paz...

6. Juan Pablo Sorín e Juan Sebastián Verón

Confusão acabou tendo muita influência na seleção | Stuart Franklin/Getty Images
Confusão acabou tendo muita influência na seleção | Stuart Franklin/Getty Images

Companheiros na seleção argentina, a briga entre Sorín e Verón aconteceu em "episódios", sendo que o mais significativo deles se deu numa partida entre Villarreal e Inter de Milão. La Brujita acusou Juampi de não ter pago o aluguel quando ele lhe emprestou um apartamento em Roma. Durante a partida, ambos se estranharam diversas vezes e deram várias encaradas.

7. Ricardinho e Marcelinho Carioca

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Marcelinho Carioca duas vezes na lista? Bem, não é novidade que o ídolo do Corinthians gostava de uma confusão dentro das quatro linhas. Desta vez, a situação ocorreu com seu companheiro no Timão, Ricardinho. Como ambos não se falavam, todo o grupo acabou ficando dividido. Missão difícil do técnico, não é?

8. Felipe Melo e Giorgio Chiellini

Dupla jogou na Juventus | GIUSEPPE CACACE/Getty Images
Dupla jogou na Juventus | GIUSEPPE CACACE/Getty Images

Essa é outra daquelas brigas históricas que todos os anos ganham novos capítulos, mas ninguém nunca sabe certamente como surgiu. Felipe Melo atribui o longo desafeto a uma cabeçada depois de uma partida contra o Siena - ambos jogaram juntos na Juventus.

De qualquer forma, o zagueiro não parece interessado em passar uma borracha na confusão. Na sua recente autobiografia, Chiellini classificou o volante brasileiro como maçã podre. "O pior dos piores. Não suporto os desrespeitosos, os que sempre querem ser o oposto dos outros. Com ele você sempre estava a beira de uma briga", completou.

9. Marcos Assunção e Valdivia

Valdivia criou alguns problemas durante a carreira | Getty Images/Getty Images
Valdivia criou alguns problemas durante a carreira | Getty Images/Getty Images

Dos socos trocados às provocações na imprensa. Assim podemos definir a relação entre Marcos Assunção e Valdivia no Palmeiras. Ambos nunca se deram bem e possuem diferentes versões da famigerada briga no vestiário em meados de 2012. Enquanto o volante acusou o chileno de "corpo mole", o Mago afirmou que tudo não passou de um mal-entendido. De qualquer forma, uma frase dita pelo chileno resume a situação: "Nunca fomos amigos".

10. Zlatan Ibrahimovic e Edinson Cavani

Ego da dupla não cabia no PSG | Jean Catuffe/Getty Images
Ego da dupla não cabia no PSG | Jean Catuffe/Getty Images

Quem se lembra da dupla no Paris Saint-Germain sabe bem que havia uma enorme disputa de ego na equipe. Ambos estavam constantemente brigando pelo protagonismo no clube e, mais precisamente, para saber quem fazia mais diferença nos metros finais. No entanto, parece que as coisas não foram tão simples assim.

Em 2020, Michael Ciani, ex-companheiro do sueco na Major League Soccer (MLS), detalhou um pouco sobre a relação dos dois em entrevista à rádio francesa RMC Sport: "Se você é próximo de Cavani, Ibra não gosta. Ou você está com Ibra ou contra ele". Parece um episódio de Gossip Girl, mas não é.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos