"É um golpe muito duro", diz Messi após derrota argentina para Arábia Saudita

O astro da seleção argentina Lionel Messi admitiu que sua equipe sofreu "um golpe muito duro" ao ser derrotada por 2 a 1 para a Arábia Saudita nesta terça-feira, em sua estreia na Copa do Mundo do Catar.

"É um golpe muito duro. Não esperávamos começar desta forma. Confiávamos em começar bem, com os três pontos, como vínhamos falando antes do jogo. Isso teria dado tranquilidade, mas este grupo se destaca pela união, pela força", disse Messi em sua passagem pela zona mista depois do jogo no estádio Lusail.

"É o momento de estarmos mais unidos do que nunca, voltar à base e ao nosso jogo para tentar ganhar", acrescentou.

Como capitão, Messi quis acalmar a decepção dos torcedores e afirmou que o elenco argentino já está concentrado no segundo jogo, no sábado, contra o México.

"Tranquilidade. É um golpe muito duro, uma derrota que dói, mas temos que continuar confiando em nós mesmos. Este grupo não vai se entregar. Vamos tentar ganhar do México", afirmou.

"É o momento de ficarmos unidos, de virar a página, de não pensar mais no que aconteceu. Sim, fazer reflexões, as coisas positivas, para corrigir o que fizemos de errado e pensar no México. Sempre dissemos que viríamos para ganhar todos os jogos e agora mais do que nunca", concluiu.

dr/psr/cb