Árbitro de 4 de Julho x São Paulo foi suspenso pela Federação do RN no último domingo após erro em final

·2 minuto de leitura


Nesta terça-feira (1), o São Paulo perdeu por 3 a 2 para o 4 de Julho, do Piauí, em sua estreia na Copa do Brasil. Durante a partida, o Tricolor sofreu com erros de arbitragem. Um fato curioso do jogo, porém, é que o juiz da partida, Zandick
Gondim, foi suspenso no último domingo (30) pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol por um erro na final do segundo turno do Campeonato Potiguar.


CONFIRA A TABELA E SIMULE OS JOGOS DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2021

No erro em questão, o árbitro assinalou de maneira equivocada um pênalti para o ABC em uma falta que ocorreu a pelo menos um metro de distância da área. A penalidade foi convertida por Wallyson, e, com esse gol, a equipe alvinegra foi campeã diante do Santa Cruz.

A FNF anunciou o afastamento por tempo indeterminado horas após a final.

Escalado pela CBF para a partida entre São Paulo e 4 de Julho, Zandick comandou o trio de arbitragem. Embora o árbitro não tenha feito uma partida ruim e, de certa forma, se recuperado da má atuação do último domingo, o bandeirinha Vinicius Melo de Lima foi o maior motivo de polêmica, com dois erros de arbitragem.

O primeiro erro foi no segundo gol do Gavião Colorado, no qual o zagueiro Gilmar Bahia estava impedido, e outro no gol mal anulado de Galeano, no fim do jogo, que poderia ter dado o empate ao Tricolor.

O São Paulo volta a enfrentar o 4 de Julho na próxima terça-feira (8), no Morumbi. Para se classificar, o Tricolor precisará vencer a partida por, ao menos, dois gols de diferença.

Antes do jogo de volta da Copa do Brasil, porém, o Tricolor entra em campo pelo Campeonato Brasileiro neste sábado (5), contra o Atlético Goianiense no Estádio Antônio Accioly, em partida válida pela segunda rodada do torneio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos