À espera de um milagre, Luis Enrique muda posição de Messi

Para Lionel Messi não é novidade nenhuma marcar gols, conquistar títulos pelo Barcelona... e mudar de posição com a camisa de seu time. Desde quando estreou na equipe principal, sob o comando do holandês Frank Rijkaard, o camisa 10 já atuou em todas as funções de ataque. E antes de tentar um milagre frente ao Paris Saint-Germain, na Champions League, o técnico Luis Enrique aposta em mais uma mudança de seu principal jogador.

No 3-4-3 que vem sendo armado por Luis Enrique desde a vitória por 2 a 1 sobre o Atlético de Madrid, o argentino é o jogador de meio-campo mais avançado. Com isso, Rafinha passou a ser mais utilizado pelo lado direito de ataque – ocupando a faixa do campo na qual Messi se revezava com Luis Suárez, que segue como homem de frente.

Lionel Messi Barcelona LaLiga 030417

Messi voltou a jogar centralizado, e quem ocupou a vaga na direita foi Rafinha (Foto: Getty Images)

Jogando logo atrás de Suárez, Lionel Messi tem mais liberdade para criar jogadas e se alternar nos dois lados do campo – já que antes o camisa 10 não costumava a alternar as posições com Neymar, na ponta-esquerda. Também foi jogando mais centralizado, quando Pep Guardiola imortalizou a sua posição como ‘Falso Nove’, que Messi mais rendeu.

A mudança promovida por Luis Enrique foi uma resposta aos maus resultados que o Barcelona vinha colecionando depois de levar 4 a 0 do Paris Saint-Germain no primeiro jogo das oitavas de final da Champions League. Desde então, os resultados foram satisfatórios (4 vitórias em 4 jogos). Nesta quarta-feira (08), contra o PSG, o Barça vai em busca de um milagre. E está em Messi a grande esperança blaugrana.

Leia também