À distância, Jô é integrado ao elenco do Corinthians e já recebe treinos

Alexandre Guariglia
LANCE!

Um dia depois de ser anunciado como jogador do Corinthians, Jô já está integrado ao elenco, porém à distância, como permite o momento durante a pandemia de coronavírus. O jogador foi "recepcionado" pelos companheiros e pela comissão técnica e já recebe a programação de treinos. A informação foi publicada primeiramente pelo GloboEsporte.com e confirmada pelo LANCE!.

O atacante foi oficializado na última quarta-feira pelo clube e assinou contrato até dezembro de 2023 para a sua terceira passagem com a camisa alvinegra. A expectativa era de que ele já pudesse treinar com os companheiros neste sábado, caso o governo do estado de São Paulo tivesse liberado as atividades dos clubes de futebol. Isso, por enquanto, ficou para o dia 1º de julho.

Uma vez que não pode se enturmar pessoalmente, Jô foi "recebido" pelos companheiros e pelos profissionais da comissão técnica, que aproveitaram para já enviar a programação de treinos ao jogador, a fim de iniciar os trabalhos físicos e tentar colocá-lo no mesmo patamar dos outros atletas. Em entrevista ao GloboEsporte.com, o preparador físico Michel Huff explicou.

- O Jô está inserido no programa de treinos em domicílio e responderá o "Bem-Estar", nossa avaliação diária de como o atleta está. Ele também receberá acompanhamento individual, sendo inserido em todas as frentes em que estamos atuando - disse o profissional corintiano.

Jô está desde o dia 7 dezembro de 2019 sem entrar em campo e no início de 2020 ele perdeu a pré-temporada e os primeiros jogos do Nagoya Grampus-JAP por conta de uma lesão no joelho, a qual chegou a tratar no Brasil. De lá para cá, as competições no Japão foram suspensas por conta do coronavírus e o seu tempo de inatividade acabou aumentando, o que vai requerer maior cuidado.

O centroavante já treinava em casa antes de assinar com o Corinthians e passará a ter um acompanhamento mais próximo da comissão técnica do clube. Quando estiverem todos no CT, os dados armazenados do atleta referentes ao ano de 2017, quando vestiu o manto alvinegro pela última vez, devem facilitar o trabalho dos profissionais em relação a Jô.

- Ele é um atleta que já atuou no Corinthians, o que facilita o processo de treinamento por já haver dados de performance dele no clube da última passagem, em 2017 - afirmou Michel Huff ao GloboEsporte.com.

Jô chega ao Corinthians para brigar pela titularidade com Mauro Boselli, artilheiro do time nesta temporada com seis gols. No Japão, o jogador que usará a camisa 77 do Timão, marcou 24 gols em 37 jogos em seu primeiro ano, depois foram apenas oito tentos em 37 partidas no segundo. Ele não balança a rede desde 8 de setembro de 2019, ou seja, há nove meses.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também