Neymar marca de pênalti e garante vitória da seleção sobre Japão em amistoso

Neymar durante amistoso da seleção brasileira contra o Japão em Tóquio

Por Michael Church

(Reuters) - Um pênalti convertido por Neymar a 13 minutos do final da partida garantiu ao Brasil uma vitória por 1 x 0 sobre o Japão em amistoso preparatório para a Copa do Mundo nesta segunda-feira e de quebra deixou o atacante do Paris St Germain a três gols do recorde de Pelé como maior artilheiro da história da seleção brasileira.

O atacante superou o goleiro Shuichi Gonda para marcar seu 74º gol em 119 partidas com a seleção depois de ter sido frustrado em várias ocasiões pelo goleiro japonês diante de uma multidão de 63.638 torcedores em Tóquio.

A vitória do Brasil sobre o Japão veio depois de uma goleada por 5 x 1 sobre a Coreia do Sul na quinta-feira, também parte da preparação da equipe do técnico Tite para a Copa do Mundo no Catar em novembro.

Os visitantes ameaçaram cedo, com Lucas Paquetá acertando a trave aos dois minutos quando recebeu passe de Neymar dentro da área.

Fred disparou de longe logo depois e Raphinha forçou Gonda a defender com os pés, antes que Neymar tentasse finalização colocada de fora da área obrigando o goleiro japonês a espalmar.

Gonda estava novamente à disposição para impedir o gol brasileiro a três minutos do final do primeiro tempo, quando Paquetá passou para Neymar, mas o esforço do astro brasileiro foi impedido pelo goleiro japonês.

Neymar continuou a tentar, vendo um chute bloqueado pela cabeça de Endo aos oito da segunda etapa, enquanto Ko Itakura fez uma intervenção perfeitamente cronometrada para se colocar entre o disparo do atacante brasileiro e o gol do Japão.

A pressão acabou dando resultado, no entanto, com Neymar no centro da ação mais uma vez.

O esforço inicial do jogador de 30 anos foi bem defendido por Gonda, mas quando Richarlison, que saíra do banco de reservas, tentou chegar ao rebote, foi derrubado por Endo e o árbitro Alireza Faghani apontou para a marca de pênalti.

Neymar deslocou Gonda em sua cobrança para marcar pela nona vez em cinco partidas contra o Japão e se aproximar da marca histórica e de longa data de Pelé.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos