Na reestreia de Fernandinho, Athletico massacra Atlético-GO na Arena da Baixada pelo Brasileirão


Na Arena da Baixada, o Athletico se reencontrou com a vitória no Brasileirão ao bater o Atlético-GO por 4 a 1, na noite desta quarta-feira. Com o placar, o Furacão alcançou a 3ª posição, com 31 pontos, mas pode cair para 4º caso o Inter vença o São Paulo. O Dragão é o 18º, com 17 pontos. Cuello, Canobbio, Terans e Leo Citaddini marcaram; Kelvin descontou.

- VEJA A TABELA DO BRASILEIRÃO

Na próxima rodada do Brasileirão, o Athletico mede forças com o Botafogo, no Rio de Janeiro. O Atlético-GO busca a recuperação diante do América-MG, em casa.

Athletico PR x Atletico GO
Athletico PR x Atletico GO

Terans voltou a marcar, na vitória do Athletico (Divulgação / Twitter Athletico PR)


INÍCIO FULMINANTE
O torcedor do Athletico ainda se aconchegava na cadeira da Arena da Baixada quando o Furacão impôs o seu ritmo e marcou dois gols. O primeiro veio com Cuello, que soltou o pé sem ângulo e abriu o marcador. Depois, aos 13 minutos, Canobbio recebeu de Terans e mandou para a rede.

TERANS
A etapa final foi um retrato dos primeiros 45 minutos. O Athletico voltou disposto a resolver a questão e acabou com qualquer reação aos 3 minutos. Terans, de fora da área, soltou o pé e acertou um lindo chute para marcar o terceiro.

FERNANDINHO
Com o placar resolvido, Felipão girou o seu elenco e colocou Fernandinho em campo para reestrear com a camisa do Athletico. Assim que entrou em campo, o volante foi ovacionado pela torcida na Arena da Baixada.

ATLÉTICO-GO DESCONTA, MAS LEO CITTADINI MARCA O QUARTO
Em meio a festa por Fernandinho, o Atlético-GO conseguiu o seu gol de honra com Kelvin. O atacante limpou a marcação e bateu forte. Sem chances para Bento. Nos acréscimos do confronto, ainda deu tempo de Léo Cittadini receber assistência de Fernandinho e cabecear para o fundo da rede. 4 a 1 e fim de papo.

ATHLETICO 4 X 1 ATLÉTICO-GO
Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-Hora: 20/7/2022 – 19h30
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Figueredo Henrique Correa (RJ) e Thiago Rosa Oliveira (RJ)
VAR: Adriano de Assis Miranda (SP)
Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos: Cuello, Terans, Vitor Roque (CAP), (ATL)
Cartões vermelhos: –
Gols: Cuello (8’/1ºT) Cannobio (13’/1ºT) Terans (3’/2ºT) Kelvin (26’/2ºT) Léo Cittadini (49’/2ºT)

ATHLETICO: Bento; Khellven, Pedro Henrique, Nicolás Hernández e Abner; Hugo Moura, Erick (Fernandinho, aos 25/2ºT) e Terans (Leo Cittadini, aos 38/2ºT); Canobbio (Vitor Roque, aos 25/2ºT), Pablo (Romulo, ao 0/2ºT)) e Cuello (Pedrinho, aos 25/2ºT). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

ATLÉTICO-GO: Ronaldo; Hayner, Wanderson, Edson e Jefferson (Arthur Henrique, ao 0/2ºT); Baralhas, Marlon Freitas e Wellington Rato (Léo Pereira, aos 19/2ºT); Airton (Shaylon, ao 0/2ºT), Churín e Luiz Fernando (Kelvin, ao 0/2ºT). Técnico: Jorginho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos