Na busca pelo líder do Brasileirão, Inter se destaca nos confrontos diretos

Ricardo Duarte/SC Internacional


No chamado “jogo grande”, nenhuma equipe supera o Internacional dentre os primeiros colocados do Brasileirão. O clube gaúcho tem o aproveitamento mais alto nos confrontos entre os times que compõem o atual G7 do torneio, setor onde estarão os classificados para a próxima Libertadores.

>Como se tornar um criador de conteúdo do L! na Copa do Mundo

Diante de Palmeiras, Fluminense, Flamengo, Corinthians, Athletico-PR e Atlético-MG, o Colorado tem aproveitamento de 55,5% dos pontos. Quem mais chega próximo é o atual ponteiro da competição, Palmeiras, com 51,8% contra os mesmos oponentes. O Flamengo, por exemplo, soma apenas 29,6%.

- Estamos em um momento importante da competição e a gente vem crescendo. Precisamos aproveitar essa nossa regularidade neste sprint final e vamos olhando jogo a jogo. É desta maneira que vamos ver lá no final, com um confronto direto, no Beira-Rio, se essa caminhada nos levará a disputar esse título tão importante, que o Internacional não ganha há muito tempo - comentou o presidente colorado, Alessandro Barcellos.

O Internacional derrotou o Fluminense no primeiro turno e no returno, bateu o Flamengo em casa, e o Galo, também no Beira-Rio. Empatou duas vezes com o Corinthians, arrancou um ponto do Furacão na Arena da Baixada, e foi superado pelo Atlético-MG, na primeira rodada do campeonato, bem como pelo líder, no Allianz Parque.

Desde a chegada do técnico Mano Menezes, o aproveitamento do Inter dentro do G7 é ainda melhor, subindo para 62,5% com quatro vitórias, três empates e somente uma derrota. O único grande revés do treinador aconteceu contra o Palmeiras, na 19ª rodada.

- A campanha é consequência de um trabalho que vem dando certo. E ela se iniciou com a chegada do Mano no comando técnico, o Paulo Autuori como diretor de futebol, o William Thomas como executivo e um conjunto de reformulações que fizemos. Tudo isso começa a trazer resultados. Os resultados que sempre eram esperados. Esperamos também que com esta evolução acontecendo possamos ter um início de 2023 melhor do que tivemos nos últimos anos - projetou Barcellos.

O Inter ainda terá mais três confrontos deste tipo até o final do Campeonato Brasileiro: Flamengo, no Maracanã (5/8); Athletico-PR, no Beira-Rio (6/11); e Palmeiras, na última rodada do Brasileirão (13/11), também em casa.

Na segunda colocação com 49 unidades, sete a menos do que o Palmeiras, o Colorado é a melhor equipe do segundo turno do Brasileirão (19 pontos com seis vitórias, um empate e um revés) e volta a campo para tentar se manter como tal contra o Bragantino, na próxima quarta-feira (28), em Porto Alegre.