Na briga por títulos, Fluminense tenta manter titulares do elenco apesar de sondagens

Elenco do Fluminense vem sendo alvo de propostas desde junho (Armando Paiva / Lancepress!)


Os últimos dias foram de preocupação para a torcida do Fluminense. Na briga pelo Brasileirão e Copa do Brasil, o elenco de Diniz tem atraído o interesse de clubes do exterior. Arias e Nonato, por exemplo, vêm sendo monitorados, assim como Nino e Matheus Martins foram ainda nesta temporada. No entanto, o Tricolor vem tentando evitar baixas antes do fim da temporada.

De acordo com o site "Netflu", clubes portugueses manifestaram o interesse por Arias, entre eles o Sporting. Vice-artilheiro do Fluminense e líder de assistências, o colombiano vem sendo a grata surpresa desta temporada. Contudo, ele afirmou que deseja permanecer no Tricolor e acredita na possibilidade de títulos.

Emprestado junto ao Internacional, Nonato chegou a receber uma proposta do Ludogorets-BUL, de US$ 1,7 milhões de dólares (R$ 8,8 milhões). Porém, como o Flu tem a opção de compra, a diretoria se prepara para encaminhar uma contraproposta ao Colorado. O jogador também deseja permanecer no Tricolor.

No início da temporada, Nino foi a bola da vez e recebeu proposta de quase R$30 milhões do Tigres-MEX. Em julho, o zagueiro voltou a entrar na mira de um estrangeiro: o Fenerbahçe, sob o comando de Jorge Jesus. Mas a proposta não chegou a acontecer. Reserva na zaga do Flu, Luccas Claro foi a baixa desta janela e partiu para defender o Eyüpspor, também da Turquia.

Veja a tabela do Brasileirão

O próprio Diniz chegou a receber uma sondagem do Atlético-MG. Assim como os jogadores, o técnico rejeitou a proposta e optou por seguir o trabalho no Tricolor. Em agosto, o clube também rejeitou uma proposta de 7 milhões de euros (R$ 36,7 milhões) da Udinese-ITA por Matheus Martins.

Além dos atletas que chegaram a receber sondagens ou propostas, o Fluminense buscou se adiantar. André, volante de maior destaque da equipe, renovou o contrato até o fim de 2024. Yago Felipe foi outro que estendeu o vínculo por mais dois anos.

Assim, o Tricolor tem conseguido fazer um movimento contrário ao dos últimos anos, em que o clube não conseguiu segurar destaques e sofreu com a readaptação após as saídas. Ainda que não seja garantia para vencer campeonatos, a manutenção do elenco que tem sido vitorioso até aqui é um fator importante para o padrão dentro de campo.