Mundial de Surfe: WSL adia Rio Pro pelo segundo dia seguido por conta do clima em Saquarema

Etapa brasileira do Mundial de Surfe será retomada nesta segunda-feira (Foto: Thiago Diz / WSL)


As baterias do Rio Pro, etapa brasileira do Mundial de Surfe de 2022, foram adiadas pelo segundo dia consecutivo. Por conta do clima na Praia de Itaúna, em Saquarema, a WSL (Liga Mundial de Surfe) decidiu decretar "lay day", que é quando o clima atrapalha a competição, fazendo com que o torneio seja paralisado.

Ventos marais (do mar para a terra) vindos de sudoeste fizeram as provas de sábado não serem realizadas. Neste domingo, além da corrente de ar, o dia amanheceu com chuva na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro. A próxima chamada está marcada para segunda-feira, às 7h15 (de Brasília). A janela do Rio Pro vai até a próxima quinta.


As primeiras provas devem ser do masculino, que está nas oitavas de final. Oito brasileiros estão na disputa, incluindo o líder do ranking mundial Filipe Toledo, o atual campeão olímpico Ítalo Ferreira e o dono de uma nota 10.00 na última sexta-feira, Caio Ibelli.

+ Filipe Toledo segue líder da WSL: Confira o ranking mundial

No feminino, as baterias já estão nas semifinais e a brasileira Tatiana Weston-Webb briga pelo título. Ela enfrentará Carissa Moore, do Havaí, na busca por uma vaga na decisão.

MASCULINO - OITAVAS DE FINAL

1: Jack Robinson (AUS) x Mateus Herdy (BRA)
2: Caio Ibelli (BRA) x Samuel Pupo (BRA)
3: Ítalo Ferreira (BRA) x Michael Rodrigues (BRA)
4: Miguel Pupo (BRA) x Nat Young (EUA)
5: Filipe Toledo (BRA) x Miguel Tudela (PER)
6: Connor O'Leary (AUS) x Matthew McGillivray (AFR)
7: Ethan Ewing (AUS) x Yago Dora (BRA)
8: Callum Robson (AUS) x Jackson Baker (AUS)

FEMININO - SEMIFINAIS

1: Johanne Defay (FRA) x Gabriela Bryan (HAV)
2: Carissa Moore (HAV) x Tatiana Weston-Webb (BRA)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos