Mouratoglou sobre separação com Serena: 'Ela não sabia o que fazer'

Reprodução redes sociais
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Ex-treinador de longa data de Serena Williams, Patrick Mouratoglou explicou a separação e comentou que a americana não tinha ideia do que fazer. O francês está agora com a romena Simona Halep.

Ele concedeu entrevista ao Gazeta Sporturilor, ao conhecer Halep em um festival em Cluj. No entanto, suas palavras nos deixam com mais sombras do que luzes.

"Eu queria ser justo com ela, não queria me decepcionar com Serena no final de sua carreira. Fui perguntar o que estava acontecendo, o que ela ia fazer. Não ficou muito claro. Perguntei se ela queria ir para Roland Garros e ela disse que não sabia. Isso foi seis semanas antes do torneio. Eu disse a ela que ia esperar por ela na segunda-feira para treinar, e se ela não aparecesse, eu me consideraria um treinador livre", disse Mouratoglou. O que aconteceu a seguir é bem conhecido: o treinador, com várias funções para além do seu papel dentro da equipe da americana decidiu terminar o seu relacionamento com ela e se juntar ao time de Halep logo depois.

"Depois que Serena decidiu fazer uma pausa, confessei aos meus entes queridos que sentia que minha carreira de treinador havia acabado. Eu sabia que um dos meus principais pontos fortes é o entusiasmo, que eu tinha muito entusiasmo pelo meu trabalho. Sem essa vitalidade não conseguiria fazer o meu trabalho direito. Não consigo ser um bom treinador e senti que tinha perdido o controle".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos