Morre o jornalista esportivo Roberto Carmona

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O jornalista esportivo Roberto Carmona, voz marcante do rádio brasileiro, morreu neste domingo (4), aos 86 anos. O falecimento foi confirmado pela Transamérica, estação em que ele trabalhava.

“Notícia triste. Morre a voz marcante da Transamérica, Roberto Carmona, uma lenda do jornalismo esportivo e da história do rádio. A Rádio Transamérica lamenta com profunda tristeza a perda do nosso amigo, comentarista, repórter e um ícone das nossas transmissões.”

“Deixamos aqui nossa solidariedade aos familiares, amigos, fãs e admiradores de Roberto Carmona. Seu legado nunca será esquecido”, publicou a rádio nas redes sociais.

A Transamérica não informou a causa da morte. Segundo o colunista Flavio Ricco, Carmona estava internado na UTI após passar por uma cirurgia na coluna e contrair uma infecção.

Jornalistas e clubes de futebol lamentaram a morte de Carmona nas redes sociais.

Em nota, o Corinthians destacou a longa trajetória do jornalista. “Ao longo de mais de 50 anos de carreira, contou com brilhantismo muitos momentos de nossa história. Aos parentes, ouvintes e colegas, em especial da Transamérica, nossos sentimentos”, diz nota do clube.