‘Miúdos’ em alta: goleada contra o Santos comprova sucesso da base do Corinthians

Mantuan e Du Queiroz estão no time titular do Timão contra o Boca (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)


Poucas vezes o Terrão esteve tão em evidência no Corinthians como agora. Desde a chegada de Vítor Pereira, os jovens da base vem ganhando cada vez mais oportunidades no clube. O reflexo da confiança do treinador nos garotos se traduziu na equipe corintiana que terminou em campo a goleada por 4 a 0 contra o Santos, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

+ GALERIA - Willian e Giuliano se destacam em goleada do Timão; veja notas

Nove dos 11 atletas em campo eram crias das categorias do clube alvinegro. Cássio e Róger Guedes foram os únicos que terminaram a partida e não são formados nas categorias de base do Time do Povo. A média de idade da equipe corintiana nos minutos finais da partida contra o Peixe foi de 23,8 anos.

No total, dos 16 jogadores utilizados por Vítor Pereira, do começo até o apito final, 12 iniciaram sua jornada futebolística na base do Timão.

Cássio
Fagner (base)
João Victor (base)
Raul Gustavo (base)
Lucas Piton (base)
Cantillo
Du Queiroz (base)
Giuliano
Willian (base)
Róger Guedes
Mantuan (base)
Robert Renan (base)
Xavier (base)
Roni (base)
Matheus Araújo (base)
Adson (base)

Na coletiva após o placar elástico contra o Peixe, o treinador português falou sobre a importância de mesclar os atletas mais experientes com os mais jovens.

- Se mesclarmos a juventude e os mais experientes conseguimos manter a qualidade. Nesse momento, temos, de fato, jogadores experientes fundamentais para a transmitir a confiança aos garotos, mas também temos garotos com qualidade que subiram e estão em condições para entregar o que a equipe necessita deles. Se eu não tivesse dado tempo de jogo, minutagem, eles não teriam crescido - afirmou o técnico lusitano.

+ TABELA - Confira e simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

A representatividade do Terrão traduziu-se em participação direta em todos os gols do Corinthians na goleada contra o Santos. No primeiro, Willian iniciou a jogada e tocou para Piton no corredor esquerdo. O lateral cruza na medida para Mantuan abrir o placar.

No segundo gol, Willian atraiu a marcação na direita e rolou para Fagner. O camisa 23 cruzou rasteiro para Du Queiroz. O garoto de 22 chutou, a bola desviou em Giuliano, que ampliou.

Ainda no primeiro tempo, o camisa 10 cobrou escanteio na cabeça de Raul Gustavo, que aumentou a vantagem, e fez o segundo gol de um jogador do Terrão na partida.

Para concluir, Robert Renan, que entrou no segundo tempo no lugar de João Victor, ganhou no 'pé de ferro' de Felipe Jonatan e deu o passe para o segundo gol de Giuliano. Essa foi a primeira participação em gol do defensor de 18 anos pelo profissional do Corinthians.

Assumindo um protagonismo cada vez maior na equipe de Vítor Pereira, as crias do Terrão são, ao lado dos Meninos da Vila, a base que mais marcou gols neste Brasileirão, com oito bolas nas redes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos