Medvedev passa pela estreia em Cincinnati e fica perto de manter o Nº 1

BNP Paribas Open


Atual número 1 do mundo, o tenista russo Daniil Medvedev estreou com vitória, nesta terça-feira, no Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, evento sobre o piso duro com premiação de US$ 6 milhões.

O russo derrotou o holandês Botic Van de Zandschulp, 24º colocado, por 2 sets a 0 com parciais de 6/4 7/5 após 1h34min no último jogo do dia na quadra central do complexo em Ohio.

O líder do ranking vinha de derrota na estreia em Montreal, no Canadá, e defende semifinal do ano passado no evento onde foi o campeão em 2019. Ele defende o topo do ranking esta semana onde disputa com Rafael Nadal. Precisa de mais uma vitória, na quinta-feira, para assegurar a liderança pelo menos até o US Open. Seu próximo rival sai do duelo entre o americnao Tommy Paul, 31º, e o canadense Denis Shapovalov, 21º.

Medvedev venceu o primeiro set com uma quebra, abriu 3 a 2 no segundo set, mas cedeu o empate em 4 a 4. Apesar das várias duplas-faltas do holandês, não aproveitou as chances e custou a conseguir nova quebra para abrir 6 a 5 e fechar.