Maurício Souza exalta união e espírito de luta do elenco do Vasco após vitória: 'DNA competidor forte'


Na estreia do técnico Maurício Souza, o Vasco conquistou sua terceira vitória seguida na Série B e, de forma invicta, assumiu a vice-liderança da competição. Na coletiva de imprensa, o novo comandante admitiu que a equipe não teve sua atuação 'mais bonita', mas que conseguiu criar um 'DNA competidor forte'.

Maurício Souza - Londrina x Vasco
Maurício Souza - Londrina x Vasco

Mauricio Souza estreou com vitória no comando do Vasco (Foto: Daniel RAMALHO / CRVG)

- Sem dúvidas não foi a vitória mais bonita do Vasco, porém o Vasco criou nesses últimos jogos um DNA competidor forte. Jogamos contra um adversário que não tinha perdido em casa, ganhou 10 dos últimos 15 pontos que disputou e que dificulta demais o jogo dentro da sua casa - disse, e emendou:

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- O campo não estava nas melhores condições para um jogo mais elaborado. Não entendo hoje que a gente tinha que sair daqui fazendo um jogo elaborado, mas reforçar esse espírito de luta e garra, que foi a tônica do nosso jogo. Muito feliz em sair daqui com os três pontos contra um adversário que vendeu duro - frisou.

Além disso, Maurício exaltou a força do elenco, que lutou até o fim, mesmo fora de casa. Ele também destacou a união do grupo tanto dos titulares, quanto dos jogadores que tem ficado na reserva. O treinador analisou a disputa entre Getúlio e Raniel na frente, com um deles marcando contra o Cruzeiro, e o outro no jogo deste sábado.

- O Vasco tem um time muito homogêneo, o Raniel hoje fez o gol, e o Getúlio fez contra o Cruzeiro. O que eu tenho passado para eles é que vamos viver um ambiente de justiça, e nesse ambiente as coisas são resolvidas dentro do campo. Quem estiver melhor vai jogar, isso não significa que vai ser titular o tempo todo. São atletas que sabem disso, o Getúlio compreendeu completamente a saída, o Raniel fez o gol e depois abraçou o Getúlio - analisou Maurício, e em seguida acrescentou:

- É um grupo extremamente unido, só quem está vivendo aqui sabe da união desse grupo, o quanto eles querem. O campo, o dia a dia, vai dizer quem é titular ou reserva. O que posso falar é que temos dois atletas extremamente trabalhadores, com qualidade para assumir a titularidade. É claro que prefiro ter esse problema (risos), porque a gente tira um, coloca outro, e o nível continua - completou.

+ ATUAÇÕES: Andrey dita o ritmo, Raniel marca, e dupla recebe as maiores notas em vitória do Vasco

O próximo compromisso do Vasco será na sexta-feira, dia 24, às 19h, contra outra equipe paranaense: o Operário, em São Januário. O jogo será válido pela décima quarta rodada da competição nacional.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos