Matos e Vega lutam, mas caem nas quartas de Roland Garros

Cedric Lecocq / FFT


Chegou ao fim a ótima campanha da dupla de Rafael Matos, da ADK Tennis, de Itajaí (SC), com o espanhol David Vega, nesta segunda-feira. Eles foram eliminados nas quartas de final de Roland Garros, segundo Grand Slam do ano.

A dupla do brasileiro e do espanhol caiu diante dos cabeças de chave 12, o holandês Jean Julien Rojer e do salvadorenho Marcelo Arevalo por 2 sets a 0 com parciais de 7/6 (8/6) 6/3 após 2h02min de duração na quadra 14.

A campanha foi a maior de Matos, 52º do mundo, em um Grand Slam neste que é apenas seu terceiro Major disputado. Ele vai estrear no top 50 e deve ficar entre o 42º e 43º lugar no ranking da próxima segunda-feira.

Na partida, o primeiro set foi equilibrado com os saques falando alto e nenhuma chance de quebra. No tie-break a dupla do brasileito teve um set-point, mas bem salvo por Rojer com potente serviço. Em seguida eles conseguiram a vitória com boa devolução.

No segundo set os rivais saíram quebrando, abriram 2 a 0 e tiveram chances de ampliar, mas Matos segurou o saque. Na sequência um 0/30 para a dupla do brasileiro, mas Rojer tirou bons saques e recuperou para a dupla favorita. Os games seguintes foram de dureza. Vega e Matos salvaram vários breaks no quinto game e confirmaram. O espanhol pediu atendimento para dores na perna. No retorno a dupla do brasileiro teve uma chance de quebra, mas após disputa o brasileiro errou backhand e os rivais confirmaram e liquidaram a fatura com devolução na linha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos