Matheus Martins cita gramado e destaca empenho do Fluminense: 'Brigou até o último minuto'

Fluminense sofreu no campo encharcado do Alfredo Jacone e acabou derrotado para o Juventude na última rodada (Mailson Santana/FFC)


Com muita dificuldade em um gramado impraticável, o Fluminense perdeu para o Juventude por 1 a 0, no Alfredo Jaconi. Na saída do gramado, o meio-campista Matheus Martins destacou que as condições do campo ainda mais com o estilo de jogo de toque de bola do Tricolor.

- O gramado não ajudou o nosso estilo de jogo. nosso estilo é estar com a bola, trocar passes, ser ofensivo. O campo não ajudou, mas não é desculpa. Agora é seguir trabalhando para se manter lá em cima na tabela - disse o atleta.

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

Diante das condições, os jogadores ficaram com os ânimos exaltados, com duas expulsões no time carioca, de membros presentes no banco de reservas. Ricardo Oliveira, médico do Fluminense, e Nonato, que não entrou em campo.

- Jogo quente, o campo não estava ajudando e todo mundo quer ganhar. Nosso time brigou até o último minuto, quase conseguiu o empate. É seguir em frente, trabalhando - completou

+ Ganso, do Fluminense, critica CBF e cita condições do gramado: 'Não pode ter jogo em um campo desses'

O próximo compromisso do Tricolor no Brasileirão será na quarta-feira, às 21h30, contra o Atlético-MG, no Maracanã. O jogo será válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos